Veterano, Alonso supera Mercedes em teste de jovens pilotos

Veterano, Alonso supera Mercedes em teste de jovens pilotos

3
527
0
terça-feira, 15 dezembro 2020
Fórmula 1

Logo após o GP de Abu Dhabi, aconteceu nesta terça-feira (15) o último evento da temporada 2020 da F1, o teste de jovens pilotos. Assim, 8 equipes foram às pistas do circuito de Yas Marina. Enquanto a Haas levou apenas um carro, pilotado por Mick Schumacher, Mercedes, Renault, Red Bull, Ferrari, Alpha Tauri, Alfa Romeo e Williams levaram dois carros cada. McLaren e Racing Point não participaram pois não concordaram com a flexibilização da regra por parte da FIA. Conforme a nova regra, qualquer piloto veterano que não tenha corrido integralmente na F1 em 2020, poderia correr no teste.

Por: Lincoln Oriaj, de Salvador, BA

Primeiro Período

Pela manhã, os pilotos saíram dos boxes pela primeira vez no teste de jovens pilotos. Como resultado, Stofell Vandoorne, da Mercedes, foi o mais rápido com tempo de 1:37.206, apenas 0.206 segundos à frente de Fernando Alonso, com a Renault. Logo atrás veio De Vries também da Mercedes, com 1:38.303. Vips (Red Bull), Zhou (Renault), Buemi (Red Bull), Kubica (Alfa Romeo), Shwartzman (Ferrari), Tsunoda (AlphaTauri) e Fuoco (Ferrari) fecharam o top 10.

A dupla japonesa da AlphaTauri foi a que ficou mais tempo na pista. Enquanto Marino Sato completou 65 voltas e ficou com o 12° tempo, Yuki Tsunoda fez 60. Aliás, Tsunoda foi o 3º colocado da F2 desse ano e vive a expectativa de ser anunciado como piloto da escuderia para 2021. Já o vice-campeão da F2, Callum Illot, completou 37 voltas no carro da Alfa Romeo e foi o 11°. Os três mais lentos da manhã foram Aitken (Williams), Schumacher (Haas) e Nissany (Williams), respectivamente, 13°, 14° e 15°.

Segundo Período

Ao contrário do que aconteceu pela manhã, Fernando Alonso finalizou o dia com o melhor tempo entre os 15 pilotos, 1:36.333. Vandoorne foi apenas o 3º, 0.507 segundos mais lento. Entre os dois, ficou De Vries, com 1:36.595. Além disso, outro veterano ficou em 4°, o polonês Robert Kubica, e Tsunoda completou o top 5. Vips foi o 6°, Fuoco 7°, Illot 8°, Zhou 9° e o 10° foi Aitken.

Por fim, temos Shwartzman, o piloto que mais andou durante o dia, em 11°. Foram 129 voltas com a Ferrari, duas a mais que Marino Sato, 13° e 4 a mais que Mick Schumacher, 15°. Então o 12° ficou com Sébastien Buemi e o 14° foi Roy Nissani.

 

Foto destaque: Reprodução/Renault

Lincoln Oriaj

Lincoln Oriaj

Lincoln Oriaj nasceu em Salvador/BA e é estudante de jornalismo. Escreve sobre Fórmula 1 e Moto GP. Além disso, é apaixonado por futebol e não perde a oportunidade de contar uma piada sem graça.

6 posts | 0 comments

Comments are closed.