Thaísa se aposenta da Seleção Brasileira

Thaísa se aposenta da Seleção Brasileira

Like
123
0
quarta-feira, 07 abril 2021
Vôlei

Nesta terça-feira (6), Thaísa Menezes, bicampeã olímpica, anunciou a sua aposentadoria da Seleção Brasileira. A atleta fazia parte do grupo olímpico, mas ela decidiu encerrar o seu ciclo. A meio-de-rede foi uma das destaques do Brasil na Olimpíada de 2008 e 2012.

Além disso, foi peça fundamental no hexacampeonato do Grand Prix e do Pan de Guadalajara de 2011. Acamisa 6 segue vivendo um bom momento no Vôlei, mesmo após uma grave lesão no joelho. Na última Superliga, ela conquistou o título, foi a craque da galera e a MVP do torneio.

Por: Leonardo Pinheiro, Lorena, São Paulo

THAíSA ANUNCIA FIM DO CICLO NA SELEÇÃO

Um dia após a conquista da Superliga, a meio-de-rede tomou uma grande decisão. A bicampeã olímpica divulgou uma carta abrindo mão de disputar os jogos de Tóquio. Em sua publicação no Instagram, ela disse que se encerrou o seu ciclo na Seleção.

“Hoje tomei uma das decisões mais difíceis da minha carreira como atleta profissional. Inevitavelmente, todos querem saber se estarei com a seleção brasileira nas próximas competições – inclusive a Olimpíada de Tóquio. Mas, infelizmente, a resposta é não. Hoje, despeço-me da seleção com muita, muita mesmo, dor no peito. São mais de 14 anos dedicados a defender nosso país na seleção adulta – (18 considerando a base ) – e , sempre com garra e respeito que a bandeira merece. Nunca faltou amor e entrega nesta história linda para os dois lados” – escreveu a central.

Thaísa voltou a desempenhar um alto nível, após uma grave lesão no joelho. Além disso, vale ressaltar que a contusão no joelho foi em 2017 e muitos achavam que era o fim da carreira dela. Entretanto, após anos de recuperação, a camisa 6 deu a volta por cima. A ida dela para Tóquio era dada como certa, mas optou por encerrar seu trajetória antes das Olimpíadas. Por fim, ela contou que vai cuidar do corpo para ter uma carreira longa.

“Por não conseguir mais dar esta entrega, física e mental, que eu encerro minha história com a Seleção. Os últimos anos foram duros para o meu corpo, convivendo com dores diariamente. Não consigo ajudar ao grupo todo da forma como gosto e entendo que seja necessária. Preciso descansar e respeitar, mais do que tudo, o meu corpo, que é minha ferramenta de trabalho. Pensando na longevidade da minha carreira em clubes, é hora de me recuperar”.

Foto Destaque: Divulgação / Itambe Minas

 

Leonardo Pinheiro

Leonardo Pinheiro

Escolhi jornalismo porque para mim é prazeroso informar as pessoas, e além disso, a paixão pelo futebol me encorajou a seguir essa carreira. Meu principalmente objetivo na profissão é trabalhar c[...]

12 posts | 0 comments

Comments are closed.