Sob a batuta de Marcelo Mendez, Sada Cruzeiro está em mais uma final de Sul americano

Sob a batuta de Marcelo Mendez, Sada Cruzeiro está em mais uma final de Sul americano

1
493
0
sábado, 15 fevereiro 2020
Vôlei Internacional

De fato, o confronto entre Sada Cruzeiro e EMS Taubaté Funvic foi de irregularidades. Porém, com muita competitividade, essas equipes fizeram um duelo de tirar o fôlego pela semifinal do Sul americano. Depois de estar vencendo por 2 sets a 1, Marcelo Mendez mexeu no time. No entanto, ele colocou Filipe, Luan e o levantador Rodriguinho. O rodízio deu muito certo e ratificou por que é o principal técnico do vôlei brasileiro na atualidade.

Por: Artur de Figueiredo, do ginásio do Riacho, Contagem, MG.

De virada, a trupe do argentino venceu por 3 a 2, parciais 23/25, 25/16, 21/25, 25/23, 15/13. O ginásio do Riacho apesar de não contar com um grande público fez bastante barulho e foi motor do time celeste para mais uma decisão.

Além disso, vale destacar as entradas de Luan e Filipe, fundamentais na engrenagem da equipe mineira. Ambos atuaram muito bem no passe e no side out. Pelo lado do Taubaté, mais uma vez, Lucarelli foi o grande nome do clube paulista. Bem no saque e no ataque, praticamente imparável.

1º set

Semifinal com todo equilíbrio que se espera entre Sada Cruzeiro e EMS Taubaté Funvic. Liderado por Lucarelli, a equipe do interior paulista abriu uma pequena vantagem no 1º set, graças a boa sequência do ponteiro da seleção. Diferença que sumiu em 2 erros da equipe paulista. Contudo, em dois bons saques de Conte, o Sada virou no marcador.

Com intensidade e equilibrado nas viradas, o Taubaté amplia vantagem na parte final do 1º set. Com muitos erros de saque de ambos os lados, Evandro jogou para fora a esperança celeste. Vitória por 25 a 23 para o Taubaté, em 32 minutos de jogo.

2º set

Todavia, elétrico, o Cruzeiro começa mais ligado na partida e amplia pequena vantagem em 2 bons saques do central Otávio. Em lance genial, Conte dá um toque, visando o fundo de quadra e marca para o time azul. Com mais uma reclamação da equipe do Vale do Paraíba, Renan Dal Zotto recebe cartão vermelho, ampliando uma vantagem de 4 pontos.

Por consequência, em frangalhos, o Taubaté se perde no emocional. O Cruzeiro que não tem nada com isso aproveitou pra despejar mais uma pá de cal. Com mais volume de jogo, Perrin e Conte dão as cartas deixam os cruzeirenses bem perto da vitória no 2º set. Isac dá números final em bola de tempo, em vitória avassaladora por 25 a 16 para a equipe mineira.

3º set

Com postura agressiva no saque, o Taubaté em boa sequência de Vissoto. Entretanto, com a defensa em parafuso, o time do interior paulista abre 7 pontos. Marcelo Mendez entrou com o Filipe no lugar de Perrin para melhorar o passe. Bolada na cara de Maurício Souza acorda literalmente o Cruzeiro, em ótimo saque de Luan. Dessa forma,  diminuindo a diferença para 3 pontos. Em erro de ataque de Luan, o Taubaté fica bem perto da vitória no 3º set. Por fim, vitória paulista por 25 a 21, em 32 minutos.

4º set

Equilíbrio total, assim se define o 4º set, com as costumeiras entradas de Luan e Filipe que dão um pouco mais de consistência no passe e nas viradas de bola. Com o ace de Isac, o central celeste virou a parcial em 10 a 9. No entanto, com volume de jogo, Sada e Taubaté fazem um set muito parelho. Porém, com uma leve vantagem celeste graças a boa sequência de Filipe no saque. No entanto, a sorte tratou de dar aquela ajudinha para os cruzeirenses. Em saque forte de Conte, a bola bateu na fita e caprichosamente caiu na quadra taubateana.

Por fim, em ace de Lucão, Taubaté fica a 1 ponto do rival. Vissoto manda na rede e fecha o time azul. Dessa forma, empatando as parciais, 25 a 23, placar final do 4º set.

No tie-break, o Sada Cruzeiro define 

O tie break começa com as duas equipes se alternando no marcador. Essa disputa, no entanto, vai até o final. O ginásio vira um caldeirão. Contudo, a torcida cruzeirense bota fogo na partida. Vissoto explora o bloqueio e tira o grito da garganta da equipe celeste. Em contrapartida, em erro de saque do central Petrus, o Cruzeiro fecha por 15 a 13. Enfim, a partida, por 3 sets a 2.

Entrevistas pós jogos de Sada Cruzeiro e Taubaté

Logo após a partida, o repórter da Rádio Poliesportiva, Artur de Figueiredo entrevistou os jogadores do Sada Cruzeiro e Taubaté. Portanto, confira e ouça logo abaixo:

  • Rodriguinho do Sada Cruzeiro:

 

  • Filipe do Sada Cruzeiro:

 

  • Técnico Renal Dal Zotto do Taubaté:

 

  • Lucarelli do Taubaté:

 

E agora? Adversário do Sada Cruzeiro na decisão

Com a vitória diante do time paulista, o Sada Cruzeiro vai em busca do hepta campeonato. No entanto, o adversário será o UPCN da Argentina que venceu a outra semifinal, o seu compatriota Bolivar. A grande final acontece neste sábado (15), às 20h30. Expectativa de casa cheia, para mais uma decisão. Essa decisão, terá cobertura da Poliesportiva. Portanto, fique ligado e acompanhe!

Foto em destaque: Sada Cruzeiro / Divulgação

Artur de Figueiredo

Artur de Figueiredo

52 posts | 0 comments

Comments are closed.