Show de Basquete: Destaques da 2ª semana do NBB 11

Show de Basquete: Destaques da 2ª semana do NBB 11

Like
545
0
quarta-feira, 31 outubro 2018
Basquete

Por: Eric Filardi, de Sao Paulo

A segunda semana do NBB 11 teve 10 jogos e agradáveis surpresas, como o Corinthians, que venceu e convenceu, tanto em casa quanto fora; o Paulistano, atual campeão do NBB, parece recuperado da derrota na primeira rodada e embalou; e o Franca, atual campeão paulista, que venceu seus dois jogos e segue em alta. De certa forma, o equilíbrio entre mandantes e visitantes pairou, com seis vitórias dos donos da casa e cinco triunfos dos visitantes. As decepções ficaram por conta de Pinheiros e Bauru. O primeiro por perder seu 100% de aproveitamento na competição, frente ao surpreendente Timão, em casa. Já o segundo venceu apenas uma das quatro partidas que fez na liga até aqui.

A maioria das equipes jogou duas vezes, com algumas exceções. O Flamengo, por exemplo, disputando a Liga SulAmericana, no Uruguai, não disputou nenhuma partida na segunda semana. São José, Joinville, Basquete Cearense, Mogi e Botafogo duelaram uma vez e apenas o esquadrão de Mogi das Cruzes venceu. Da turma que fez dois jogos, o Universo Brasília foi o único a perder ambos. Além dos citados anteriormente, o Bauru teve três embates, vencendo apenas um confronto.

DESTAQUES DA SEMANA

De fato, os times que disputaram mais partidas levam vantagem nos destaques da semana, naturalmente. Corinthians, Paulistano e Franca foram a trinca escolhida para o pódio da Poli, nesta ordem.

1 – Corinthians

O alvinegro fez dois jogos e venceu ambos, se recuperando do início com duas derrotas seguidas para Franca e Paulistano. No primeiro duelo bateram o Universo Brasília com tranquilidade por 91 x 79, liderado pelas atuações de gala de Ricardo Fischer, com 21 pontos e oito assistências, e Kyle Fuller, com 20 pontos. Mas a atuação ainda mais surpreendendo foi diante do Pinheiros. A equipe do técnico Bruno Savignani segurou o ímpeto dos mandantes e impôs a primeira derrota do time do Jardim Europa, derrubando o 100% de aproveitamento do rival. Destaque, de novo, para o americano-peruano Fuller, cestinha da partida com 24 pontos, além de quatro rebotes e três assistências.

2 – Paulistano

O clube do Jardim América começou o NBB com derrota para Mogi em casa, mas logo se recuperou. Fora de casa, enfrentou o Corinthians, ainda pela primeira semana, e venceu com soberania, 92 x 83. Os destaques foram as ações coletivas da equipe, com seis atletas alcançando os dois dígitos em pontos, destaque para Renan Lenz, cestinha da partida com 19 pontos. Nesta segunda semana, veio a sequência da boa fase. Bateram com tranquilidade o Basquete Cearense com Lenz sendo decisivo novamente, guiando o Paulistano na vitória por 72 x 60. No segundo jogo, o CAP suou para vencer o Minas. Com um quarto período excelente, a equipe ganhou de virada e manteve o bom momento, vencendo as três últimas partidas e já se posicionando entre os melhores times da fase classificatória.

Campeonato Paulista Masculino de Basquete 2018 – Semifinal – Jogo 1 – Ginásio Henrique Villboim – Pinheiros X Paulistano. Foto: Paulo Arnaldo / Poliesportiva

3 – Franca

Na capital do basquete brasileiro nem tudo começou mil maravilhas. O time venceu o Corinthians fora de casa no sufoco, mas, na sequência, perdeu para o Botafogo, em casa, por 74 x 77. Porém, assim como os outros descritos acima, se recuperou e fez uma ótima segunda semana com duas vitórias. Na primeira, atropelaram o Vasco em casa, 101 x 75, com destaque para o autor de 28 pontos, David Jackson, que quebrou o recorde de bolas de longa distância da atual temporada do NBB: foram nove arremessos certeiros da linha de três pontos. O norte-americano ainda pegou três rebotes e distribuiu duas assistências, deixando a quadra com 31 de eficiência.

O jovem Didi foi outro atleta calibrado na partida, com 20 tentos, dois passes e duas bolas recuperadas. No último confronto, vitória apertada fora de casa frente ao Bauru, 69 x 70. O time da casa teve o cestinha da partida, Ruiz, com 22 pontos, mas os visitantes, com um jogo coletivo, foram melhores e venceram, muito graças aos pontos de Lucas Dias (15), David Jackson (13) e Didi (13).

Resultados da 2ª Semana

Joinville 68 x 87 Pinheiros
Paulistano 72 x 60 Basquete Cearense
São José 62 x 71 Minas
Bauru 76 x 80 Vasco
Paulistano 81 x 76 Minas
Corinthians 91 x 79 Universo Brasília
Bauru 82 x 63 Botafogo
Franca 101 x 75 Vasco
Pinheiros 76 x 85 Corinthians
Mogi 97 x 82 Universo Brasília
Bauru 69 x 70 Franca

Jogos da 3ª Semana

29/10
Minas x Joinville | Arena Minas TC | Facebook NBB – 20h

30/10
Botafogo x Paulistano | Oscar Zelaya – 20h
Flamengo x Mogi | Arena Carioca 1 | ESPN – 20h

31/10
Minas x Vasco | Arena Minas TC | Facebook NBB – 19h
Basquete Cearense x Franca | Centro de Formação Olímpica – 20h
Universo Brasília x Bauru | Ginásio da ASCEB | Twitter NBB – 21h

01/11
Joinville x Corinthians | Centreventos Cau Hansen | Facebook NBB – 19h
Botafogo x Mogi | Oscar Zelaya – 20h
Flamengo x Pinheiros | Arena Carioca 1 | BandSports – 20h45

02/11
Universo Brasília x Franca | Ginásio da ASCEB | Facebook NBB – 19h15
Basquete Cearense x Bauru | Centro de Formação Olímpica – 20h
Vasco x Paulistano | Vasco da Gama | Fox Sports – 21h10

03/11
Flamengo x Corinthians | Arena Carioca 1 | Band – 14h
Minas x Pinheiros | Arena Minas TC – 17h

Foto em destaque: Novo Basquete Brasil (NBB) -Twitter Oficial

Eric Filardi

Eric Filardi

Quando pequeno quis ser jogador. O sonho de criança passou. Uma vida nova se anseia. Bem-vindo a rádio de todos os esportes. Bem-vindo a Rádio Poliesportiva. Sou Eric Filardi, paulistano de 27 anos, jornalista pós-graduado em Jornalismo Esportivo e apaixonado por futebol, mas amante de MMA e basquete. Como todo jornalista amo escrever. Como todo brasileiro amo futebol. Tenho meu clube e minhas preferências, mas viso o profissionalismo e a imparcialidade, sem deixar de lado a criatividade. Sou Tricolor, Peixe, Palestra e Timão. Sou da Colina, Glorioso, Flu e Mengão. Sou brasileiro, hermano, francês e italiano. Sou Ghiggia, Paolo Rossi, Caniggia e Zidane. Sou Alemanha dos 7 x 1, mas que o povo não se engane. Também sou Ronaldo, Romário, Zico, Garrincha e Pelé. Sou Bundesliga, MLS, Eredivisie e Premier. Sou das várzeas e dos terrões. Sou Clássico das Multidões. Sou Sul, Nordeste, Amazônia e Pantanal. Sou Galo, Raposa, Bavi e Grenal. Sou Ásia e África. Sou Barça e Real. Sou as Américas, a Europa, sou o mundo em geral. Sou a festa nas arquibancadas, que o estádio cativa: sou Rádio Poliesportiva.

188 posts | 0 comments

Comments are closed.