Sada Cruzeiro vence de forma avassaladora em estreia no Mundial de Clubes de Vôlei

Sada Cruzeiro vence de forma avassaladora em estreia no Mundial de Clubes de Vôlei

Like
258
0
quarta-feira, 04 dezembro 2019
Vôlei Internacional

Sada Cruzeiro faz partida irretocável diante do Zenit kazan na estreia dos mineiros no Mundial de Clubes de Vôlei. O ginásio Divino Braga, no entanto, mais uma vez presenciou uma grande noite do técnico Marcelo Mendez e seus comandados.

Por: Artur de Figueiredo, Mogi das Cruzes, SP.

Contudo, a vitória por 3 a 0 foi dividida com o elenco que se manteve regular, por quase toda partida. Isac, forte no saque, Conte e Perrin deram volume de jogo. Além disso, deram muito equilíbrio na virada de bola. Lukinha foi fundamental no passe e defensivamente. Por fim, Evandro teve uma das melhores atuações com a camisa azul. Forte no ataque, explorando, usando toda técnica, habilidade. Definitivamente, o clássico do vôlei mundial mostrou mais uma vez o poderio diante de um rival que tem um retrospecto amargo, uma freguesia propriamente dita. Vitória que deixa cruzeirenses em situação confortável no grupo.

1º set

O Sada Cruzeiro começou a partida com muito volume de jogo e a boa sequência de saques. A principal arma no 1º set foi com Isac que criou dificuldade para a defesa russa em boa passada e com bloqueio de Evandro. Dessa forma, a equipe mineira abriu vantagem no jogo ao vencer esse set. O equilíbrio, no entanto, se confirmou com as duas equipes se alternando no marcador.

Em certo momento do set, Cachopa foi lá em cima e fechou a porta do Zenit, abrindo 2 pontos na parcial. Por outro lado, liderado pelo francês Ngapeth, o Zenit Kazan não deixava os brasileiros desgarrar no marcador. Porém, Otávio em mais um belo saque, conseguiu ampliar uma vantagem de 4 pontos no set. Por fim, com o saque e o bloqueio em dia, o Sada Cruzeiro fechou em 25 a 20, em um primeiro set avassalador da equipe celeste.

2º set

O segundo set mostra os russos mais ligados, com o side out funcionando e usando da estatura da equipe pra abrir no marcador. Porém, em erro de Ngapeth, Cruzeiro empata, em boa passada pelo saque de Perrin. No entanto, com as duas equipes se alternando no placar, a regularidade se define com poucos erros e força no ataque. Dessa forma, essas questões sendo fundamental no embate.

Isac, em uma sequência de pura felicidade, manteve a regularidade no saque e abriu 3 pontos, colocando os mineiros, em situação bem confortável, na parcial de 19 a 16. Avassalador! Posteriormente, Cachopa fez ace e o bombardeio de Evandro deu números finais, em mais uma vitória cruzeirense, por 25 a 20 nesse segundo set. Conte e Perrin foram impecáveis no passe e na definição. Além disso, força de Isac e o equilíbrio do oposto Evandro, aliada a genialidade de Cachopa, resumiram o set com poucos erros do Cruzeiro.

3º set

Em contrapartida, o Kazan tentava segurar o Cruzeiro. Missão quase impossível! Os russos até começam bem. Porém, em mais uma boa sequência de Cachopa, a equipe celeste virou o marcador no terceiro set. Por outro lado, Ngapeth diminuiu o ímpeto cruzeirense, e em uma sequência de 3 bons saques, chegou a ampliar. Mas Conte e Isac, fortes no saque, equilibraram as ações.

Equilíbrio total! Nesse momento, Volvich bloqueia o argentino, em levantamento longo. Isac, em grande momento, mantém boa sequência e vira na parcial por 19 a 17. Porém, Sokolov mostra nervosismo e coloca os mineiros em boa situação pra fechar a partida. Só que Ngapeth entra rasgando numa bola de meio fundo e mantém os europeus ainda vivos. Por fim, Perrin fecha em diagonal, explora, em jogo que o Cruzeiro amassou a forte equipe do Zenit Kazan, por 25 a 22.

E agora?

O Cruzeiro enfrenta nessa quarta-feira (04) o poderoso Civitanova de Bruninho e Leal, às 20h30 para buscar a liderança no grupo. Enquanto que os russos encaram o Al Rayan do Qatar. Será o reencontro de Leal que com sua ex-equipe, o Sada Cruzeiro.

Foto em destaque: FIVB / Site

Artur de Figueiredo

Artur de Figueiredo

51 posts | 0 comments

Comments are closed.