River Plate e Grêmio vencem e se aproximam da final da Libertadores

River Plate e Grêmio vencem e se aproximam da final da Libertadores

Like
1040
0
quinta-feira, 26 outubro 2017
Libertadores

Barcelona de Guayaquil 0 X 3 Grêmio

O Grêmio conquistou uma maiúscula vitória contra o Barcelona de Guayaquil em jogo válido pelas semifinais da Copa Libertadores da América e ficou muito próximo da grande final. O tricolor gaúcho além de ter jogado bem e soube aproveitar as oportunidades, contou com a noite inspirada do goleiro Marcelo Groher.

 

Primeiro tempo 

O tricolor gaúcho começou avassalador! Luan abriu o placar logo aos 7 minutos e Edilson ampliou aos 20 minutos, após linda cobrança de falta. A equipe equatoriana tentava entender o jogo do Grêmio que surpreendeu demais. Renato Gaúcho conseguiu neutralizar as principais armas do Barcelona que não conseguiu atacar e nem defender. O Grêmio mostrou muita concentração e muita consciência tática em um primeiro tempo perfeito da equipe brasileira.

 

Segundo tempo 

Na segunda etapa, o Barcelona foi para o tudo ou nada na etapa final e com isso deu mais espaço para o Grêmio que jogava com seus laterais abertos e atacando muito. O  tricolor gaúcho matou o jogo após grande jogada de Edilson pelo lado direito e o matador Luan colocou o Grêmio muito perto da final. A partir daí, o Grêmio apenas controlou e cadenciou o jogo.

Já o Barcelona estava completamente entregue e pouco ameaçou. Acusou o golpe.  Resultado brilhante do Grêmio que leva uma enorme vantagem para o jogo de volta na próxima quarta-feira em Porto Alegre e já coloca um pé na final. Já o Barcelona do Equador precisará de um verdadeiro milagre para chegar a sua terceira final de sua história.

 

O atacante Luan fez uma partida perfeita, com dois gols e colocando o Grêmio muito perto da Final da Libertadores
FOTO; FACEBOOK OFICIAL GRÊMIO FOOTBALL PORTO-ALEGRENSE

 

 

River Plate 1 X 0 Lanús

River Plate e Lanús se enfrentaram nessa última terça-feira no Estádio Monumental de Nuñez, jogo válido pelas semifinais da Copa Libertadores da América. O River fez prevalecer o fator casa e venceu pelo placar de 1 a 0.

 

Primeiro tempo 

A etapa inicial teve os donos da casa saindo mais pro jogo, com mais posse de bola. Com isso, o River teve o controle do jogo criando as principais oportunidades de gol. Porém, o sistema ofensivo do River parou no forte e sólido sistema defensivo da equipe do Lanús. A equipe Grenate se fechava  com duas linhas de quatro, marcava forte atrás da linha da bola e buscava o contra-ataque. Por isso, o zero a zero persistiu na primeira etapa .

 

Segundo tempo 

Os 45 minutos finais foram de um jogo mais aberto com os dois times buscando mais ao ataque. O técnico Marcelo Gallardo promoveu algumas mudanças táticas em sua equipe adiantando o seu meio campo e acelerando mais o jogo. Os visitantes buscavam ter mais a bola e com isso ameaçava um pouco mais o River. Mas a falta de inspiração de seus homens de criação. Nos 15 minutos finais, os Milionários controlavam o jogo e de tanto insistir, abriu o placar após linda triangulação de seu ataque. O atacante artilheiro Ignácio Scocco fez no rebote do goleiro explodindo o Monumental de Nuñez. Vitória importante dos Milionários que leva a vantagem do empate para o jogo de volta no Estádio La Fortaleza. Já o Lanús que contará com o apoio de sua apaixonada torcida terá que vencer por dois gols de diferença para chegar na final.

 

O atacante artilhiero Ignácio Scocco fez o gol da importante vitória dos Millionários no jogo de ida das semifinais.
FOTO: FACEBOOK OFICIAL CLUB ATLÉTICO RIVER PLATE.

 

 

Arte de capa: Conmebol  / Site oficial

 

Redator da Matéria: Bruno Mattos direto de São Paulo

Bruno Mattos

69 posts | 0 comments

Menu Title