Passo importante da raposa complica o tricolor paulista na Copa do Brasil

Passo importante da raposa complica o tricolor paulista na Copa do Brasil

Like
1507
0
sexta-feira, 14 abril 2017
Copa do Brasil

Diante de um público de mais de 43 mil pagantes no Morumbi, o São Paulo sofreu uma derrota que deixa o tricolor paulista em situação muito difícil na Copa do Brasil. Sem nunca erguer a taça do torneio nacional, os comandados de Rogério Ceni sofreram diante de um Cruzeiro bem postado defensivamente por Mano Menezes e para conquistar a vaga para a próxima fase, o time deverá tirar coelhos da cartola para atingir o objetivo de avançar na competição.

 

Início frio

Embora fosse esperado um bom espetáculo desde o início pelos bons ataques das duas equipes, o primeiro tempo teve apenas alguns instantes bons, sendo em sua maioria frio como a temperatura da cidade de São Paulo na noite desta quinta (13).

Com o São Paulo dominando o jogo em números (a posse de bola do tricolor foi bastante superior ao do rival na primeira etapa), mas sem eficiência na criação, as poucas chances surgiam frequentemente de lançamentos. Jucilei ainda teve bons lampejos arrancando com qualidade pelo meio, originando um bom lance que Luiz Araújo desperdiçou em boa defesa de Rafael. Pelo lado do Cruzeiro, o setor de criação pouco fez.

Foto: Ivan Marconato / Rádio Poliesportiva.

Pouco movimentado o primeiro tempo do jogo. Foto: Ivan Marconato / Rádio Poliesportiva.

 

Bolas paradas resolvem o jogo

No segundo tempo o Cruzeiro passou a alçar mais bolas na área, explorando as deficiências do setor defensivo do São Paulo. Se não bastasse a defesa sofrer com o alto número de gols sofridos na temporada, Lucas Pratto ainda teve a infelicidade de abrir o placar para o Cruzeiro com um gol contra, em cruzamento de Thiago Neves de falta pela direita.

Oito minutos depois em lance parecido com Thiago Neves cruzando desta vez pela esquerda, o ex jogador do tricolor Hudson fechou o placar, dando uma boa vantagem ao Cruzeiro para o jogo de volta em Belo Horizonte, na próxima quarta-feira.

O técnico do Cruzeiro Mano Menezes. Foto: Ivan Marconato / Rádio Poliesportiva.

 

Tricolor terá uma difícil tarefa

A missão do São Paulo é complicada, pois além de sofrer dois gols jogando em casa e não marcar nenhum, o que pode ser preponderante nos critérios de desempate da Copa do Brasil, o Cruzeiro permanece como o único time da Série A do Brasileirão que ainda não perdeu em 2017.

Jogando em pleno Mineirão, uma vitória dos paulistas pode ser considerada uma grande façanha. Caso o tricolor sofra um gol no jogo de volta, deverá obter qualquer vitória por dois gols de diferença. Caso não sofra gols e faça dois, leva a decisão para a disputa de penalidades.

 

Dias seguintes

As duas equipes antes do jogo de volta miram suas vistas para os estaduais. O tricolor enfrenta o Corinthians no clássico que será realizado no Morumbi, enquanto em outro clássico, a raposa vai ao Independência enfrentar o América, atual campeão do Campeonato Mineiro. Ambas as partidas são válidas pelas semifinais dos respectivos certames.

 

Foto de capa: Marcello Zambrana/ Cruzeiro

 

Por Danilo Dias

 

Confira também:
Ouça os gols de São Paulo 0 X 2 Cruzeiro – transmissão da Rádio Poliesportiva.

Paulo Arnaldo do Amaral Lima

Paulo Arnaldo, paulista, CEO da Poliesportiva, jornalista, apresentador e narrador esportivo. Conhecido no meio jornalístico como P.A., Paulo Arnaldo tem vasta experiência desde 2008 no jornalismo e[...]

555 posts | 2 comments

Menu Title