Osasco vence o Sesi e mantém liderança isolada na Superliga

Osasco vence o Sesi e mantém liderança isolada na Superliga

Like
1291
0
domingo, 13 novembro 2016
Superliga Feminina

Com um saque bastante eficiente, o Osasco (Vôlei Nestlé) venceu na noite deste sábado o Sesi-SP, por 3 sets a zero (25/9, 25/23 e 25/15), em partida válida pela terceira rodada da Superliga Feminina de Vôlei. Na casa das adversárias, no ginásio Vila Leopoldina (zona oeste da capital paulista), a equipe da Grande São Paulo – que tem no elenco campeãs olímpicas e duas jogadoras sérvias – levou cerca de uma hora e vinte minutos para confirmar o seu favoritismo. É a quarta vitória do Osasco na competição (a equipe disputou uma partida a mais, pois já antecipou a quarta rodada), o que garantiu ao time a liderança isolada, com 12 pontos. Já o Sesi-SP – apoiado por um ginásio lotado, mas com muitas jogadoras jovens e menos experientes – perdeu todas as três partidas que disputou. Os destaques do jogo pelo Osasco foram Paula, Malesevic (a atacante sérvia foi eleita a melhor em quadra) e Bia.

img-20161113-wa0006

O Osasco, equipe do técnico Luizomar de Moura, venceu a primeira partida da Superliga fora de casa – Foto de Paulo Arnaldo/Rádio Poliesportiva

O primeiro set começou em ritmo de treino para o Osasco, que, com um saque que dificultava a recepção das adversárias, liquidou a etapa em 20 minutos. Mas os pontos do Sesi, em sua maioria, foram de erros das meninas da equipe da Grande São Paulo.

Já o segundo set foi um pouco mais equilibrado, com melhora do Sesi-SP e o Osasco com mais dificuldade. Um dos destaques dessa etapa foi Linda, do Sesi-SP.

No terceiro set, o técnico do Osasco, Luizomar de Moura, colocou na equipe duas jogadoras que ainda não haviam disputado a partida, para dar ritmo de jogo às atletas. Um dos momentos mais emocionantes da etapa foi o 21º ponto do Osasco, o mais disputado do jogo.

“A gente vem na empolgação do Paulista, mas sabe que a Superliga é outro campeonato”, disse à Rádio Poliesportiva a levantadora Dani Lins, do Osasco e da seleção brasileira, ao falar do título paulista e das dificuldades que a equipe pode encontrar na Superliga.

A derrota, principalmente pelo nervosismo a enfrentar uma das equipes favoritas ao título da Superliga, não abalou as jogadoras do Sesi-SP. “Demonstramos que podemos lutar com os grandes”, ressaltou Juliana Mello, ao comentar no microfone da Rádio Poliesportiva a disputa equilibrada no segundo set.

O Sesi-SP joga a próxima partida da Superliga contra o Minas, na Arena BH, dia 18, válida pela quarta rodada. Já o Osasco disputa a quinta rodada do torneio no dia 22, em Brasília, contra a equipe da casa.

 
Ouça também:
Momentos finais de Sesi e Osasco – 3ª rodada da Superliga Feminina
Entrevistas pós jogo de Sesi e Osasco  – 3ª rodada da Superliga Feminina

Leonardo Guandeline

78 posts | 7 comments

Menu Title