Osasco e Praia Clube abrem fase de semi-final no Ginásio José Liberatti

Osasco e Praia Clube abrem fase de semi-final no Ginásio José Liberatti

Like
987
0
sexta-feira, 31 março 2017
Superliga Feminina

Nesta sexta-feira (31), Vôlei Nestlé Osasco e Dentil Praia Clube abrem a fase semi-final da Super Liga Feminina, da temporada 16/17. A partida será realizada no Ginásio Municipal Professor José Liberatti, em Osasco, na Grande São Paulo. O duelo terá início às 19 horas.

 

Fase classificatória

 

Osasco e Praia Clube fizeram campanhas parecidas na primeira parte da Super Liga. A equipe de São Paulo fez a segunda melhor campanha – atrás apenas do multicampeão Rexona/RJ – com 51 pontos. O rival de Uberlândia terminou na terceira posição com 50 pontos. Ambos tiveram 17 vitórias e 5 derrotas, a diferença entre os dois times foi um único triunfo a mais por 3 sets a 0 do Osasco.

 

Fase eliminatória

 

Nas quartas de final, Osasco passou fácil pelo Fluminense. Na série melhor de três, o esquadrão paulista bateu as cariocas por 3 sets a 0 nos dois confrontos, fechando em 2 a 0 a primeira rodada eliminatória do torneio. Já o Praia Clube teve mais dificuldade. As mineiras bateram o Brasília por 2 a 1. Foram dois triunfos por 3 sets a 1 e um revés por 3 sets a 0.

As equipes se cruzam na semi-final porque Osasco teve o melhor rendimento nas quartas; e o Praia Clube, o pior.

 

Histórico do confronto

 

Na fase classificatória, uma vitória para cada lado, sempre do mandante. No turno, melhor para o Praia Clube, 3 sets a 2. No returno, a revanche. Osasco 3 a 0 nas mineiras de Uberlândia.

 

Destaques do jogo

 

O time do Osasco vem liderado por Tandara. A ponteiro, de 1,86m, é a terceira maior pontuadora da competição com 334 pontos. Ela está atrás de Babi, do Pinheiros, e de Rosamaria, do Minas. Além de Tandara, os paulistas contam com a central Ana Beatriz, que tem mais de 80 pontos de bloqueio nessa Super Liga; e com as selecionáveis Dani Lins e Camila Brait.

As visitantes tem como principal arma a central Walewska, que tem mais de 270 pontos no campeonato. A Wal é uma forte arma no ataque e no bloqueio. O Praia Clube ainda conta com a bicampeã olímpica Fabiana. Além disso, o Praia Clube manteve a forte base do time vice-campeão em 15/16 – com a levantadora Claudinha; a oposta Ramirez; as ponteiras Michelle e Alix; as centrais Natasha e Wal; e a líbero Tássia.

 

Outra semi-final

 

Pouco depois, às 21h30 dessa sexta, Camponesa/Minas e Rexona/RJ se encaram pela outra semi-final. O confronto acontecerá na Arena Minas, em Belo Horizonte.

 

Por Gabriel Manzini

admin

240 posts | 0 comments

Menu Title