O título Mundial do Atlântico em Erechim

O título Mundial do Atlântico em Erechim

2
122
0
terça-feira, 06 outubro 2020
Além da 12

A coluna Além da 12 dessa semana retrata sobre a conquista do Atlântico APTI URI sobre o Kairat, do Cazaquistão, por 4 x 3. Numa partida de muita emoção, com direito a prorrogação, o Galo entrou para a seleta galeria de campeões mundiais de futsal, em um cinclo vitorioso. O Intercontinental CUP 2015 ocorreu entre 31 de agosto a 5 de setembro. Na primeira fase todos os clubes se enfrentaram, com os dois melhores colocados disputando a final. Na ocasião, o Brasil sediava o Mundial de Clubes pela quarta vez. As outras edições ocorreram em Porto Alegre, Brusque e Carlos Barbosa.

Por Thiago Lopes, Caieiras-SP

O Atlântico havia iniciado um ciclo em 2013 onde conquistou a Taça Brasil, que garantiu a equipe a participação na Taça Libertadores de 2014. Dessa forma, ao conquistar o título continental, o Galo teve a chance de disputar o Intercontinental em 2015. E mais que isso, no ano que marcou o seu centenário, a ser comemorado em setembro, a equipe também conseguiu ser a sede do torneio.

Sendo assim, foi diante do seu torcedor que tudo aconteceu. O time começou perdendo na estreia para o próprio Kairat, por 4 x 0. Entretanto, depois venceu Lelmakkasa, do Egito, por 6 x 1. O Toronto, por 5 x 0, e Al Dhafra para chegar na decisão. Assim, com nove pontos em quatro jogos, ficou em 2º lugar na tabela da primeira fase e conquistou a vaga para a final contra o Kairat.

Um título que marcou a história do clube

“Esta equipe merece muito. Só a gente sabe o que se passa aqui dentro, a tristeza de termos saído precocemente da Liga Nacional… As dificuldades que tivemos no início da temporada. Mas valeu muito, ganhar em casa. Diante desta torcida, é sensacional”, destacou Everton, um dos destaques do time no torneio daquela edição.

O capitão Keké entrou na etapa final e marcou um dos gols do título, assim como tinha sido decisivo nos dois títulos anteriores. “Estou muito feliz, poder ajudar este clube a ganhar um título desta grandeza. Ganhar aqui é diferente”. Enquanto o goleiro Rennan e o treinador Paulo Mussalém, emocionados, simplesmente bradaram o tamanho da importância do momento vividos por todos. “É campeão do mundo, o Atlântico é campeão”.

Atlântico campeão Mundial Futsal

Atlântico Erechim celebra título da Copa Intercontinental de futsal (Foto: Reprodução/Facebook)

O jogo

A partida contou com mais de dois mil torcedores no Ginásio do CER Atlântico. A equipe da casa começou a partida buscando encontrar maneiras de reverter o favoritismo do Kairat, campeão mundial em 2014 e bicampeão Europeu. Consequentemente, aos 16 minuto Gafanha aproveitou o erro na jogada de goleiro linha do Kairat e chutou de longe para garantir: 1 a 0. E foi dessa maneira que terminou a primeira etapa.

Por outro lado, logo na volta do 2º tempo, Divanei empatou para o Kairat. Mas dois minutos depois Pereira cruzou para Camargo ampliar para os anfitriões. Já aos 9′, foi a vez de Lukaian, artilheiro da competição, deixar sua marca e empatar outra vez o jogo. E para desespero do torcedor erechinense, poucos segundos depois, o goleiro Higuita marcou o 3 a 2, virando o placar para os europeus.

Até que Keké desviou para igualar o marcador em 3 x 3, levando a partida para a prorrogação. E para quem esperava grandes emoções não faltou. Restando apenas 18 segundos para o fim do jogo, Everton encontrou espaço pela esquerda e chutou no alto. A bola desviou no adversário sem chance para o goleiro Roncaglio. Consagrando ali, o primeiro e único título mundial do Atlântico até aqui.

Naquela edição, o Kairat havia sofrido apenas quatro gols em três jogos. E apenas na final sofreu a mesma quantidade no torneio. Apesar disso, ainda concluiu a competição com defesa menos vazada e o melhor ataque. Em contrapartida, o Atlântico ficou com a taça, e melhor, ao lado de sua torcida no ano de seu centenário.

Foto destaque: Luciano Breitkreitz / DM

Thiago Lopes

Thiago Lopes

Thiago Lopes, 20 anos. Estudante de jornalismo - 6º semestre.

29 posts | 0 comments

Comments are closed.