O começo de tudo

O começo de tudo

Like
1160
0
quarta-feira, 17 maio 2017
Automobilismo

Os dirigentes das provas de motovelocidade haviam introduzido a disputa de um título mundial em 1949, e seguindo o exemplo, a FIA considerou 1950 como ano inaugural do campeonato mundial de competições automobilísticas. A disputa tinha apenas seis GPs na Europa e para transformá-lo em mundial seria englobado os resultados da principal competição americana – as 500 milhas de Indianápolis – embora este evento fosse disputado por pilotos, equipes e carros completamente diversos dos que competiam nos circuitos europeus.

O primeiro GP da nova série foi o da Inglaterra, realizado em Silverstone no dia 13 de maio de 1950, num sábado para não coincidir com o culto religioso da Vila de Silverstone. Isto se tornou uma tradição da pista de Northamptonshire, que permaneceria até os anos 1970. E por ser a corrida inaugural recebeu o pomposo nome de “Grande Prêmio da Europa”. Era dia de sol de primavera, e a chance de ver ídolos do esporte, atraiu uma multidão, estimada em 100.000 pessoas. Sem conseguir manter o controle, muitos entraram sem pagar. E entre os não pagantes estava a família real, com o Rei George VI, sendo apresentado aos pilotos pelo Primeiro Ministro Reg Parnell. O Rei estava acompanhado pela então Rainha Elizabeth, hoje Rainha Mãe.

Vinte e um carros se alinharam para a histórica, embora a maioria não fosse competitiva. Dezoito segundos era a diferença entre Giusepe Farina, na pole e o mais lento, o piloto belga, líder de um conjunto musical, Johnny Claes, no cockpit de seu Lago-Talbot. A Ferrari não conseguiu aprontar seus carros para o GP. Muitas das estrelas no grid eram nomes reconhecidos pelos entusiastas das corridas do pré-guerra.

Depois da largada, Juan Manuel Fangio assumiu e manteve a ponta até que a oito voltas do final, teve de abandonar devido a um defeito do motor, e o vencedor foi seu companheiro de equipe, Giusepe Farina. Foi o ponto de partida para o título mundial que Farina viria depois conquistar. Não foi uma grande prova, com disputas acirradas por posições; afinal os carros da equipe Alfa circulavam juntos e estavam duas voltas a frente de seu rival mais próximo. Mas enfim foi ali que tudo começou…

Foto de capa: THE CAHIER ARCHIVE

 

Confira também:

Em prova movimentada, Hamilton vence e encosta em Vettel no campeonato
Buemi segura Di Grassi e vence em Mônaco
Brasileiro Joca Signorini vai correr a Volvo Ocean Race em equipe holandesa

 

Redator da Matéria: Luiz Máximo, de São Paulo.

Luiz Máximo Moreno Morelo

Meu nome é Luiz Máximo Morelo, sou paulista, 65 anos, comecei no rádio em 1968. Em 1976 fui para a TV Record, depois Rede Bandeirantes, Globo, SBT e por 20 anos trabalhei na TV Cultura. Sempre acom[...]

350 posts | 0 comments

Menu Title