No primeiro dia, Max Verstappen lidera testes de pré-temporada da Fórmula 1

No primeiro dia, Max Verstappen lidera testes de pré-temporada da Fórmula 1

1
112
0
sexta-feira, 12 março 2021
Automobilismo

Nesta sexta-feira (12), começaram os testes de pré-temporada da Fórmula 1. E quem brilhou foi Max Verstappen, que terminou o primeiro dia com o melhor tempo em Sakhir, no Bahrein. com 1min30s674. Além disso, tivemos o top 3 sendo formado por Lando Norris, com 1min30s889, e Esteban Ocon, com 1min31s146.

Por: João Victor Ferreira Freire, Rio de Janeiro – RJ

Em suma, 17 pilotos foram para a pista no primeiro dia de treinos. Contudo, a série se dividiu em duas partes. A primeira durou das 4h (horário de Brasília) às 8h (horário de Brasília), já a segunda, das 9h (horário de Brasília) às 13h (horário de Brasília). Na primeira parte, o mais rápido foi Daniel Ricciardo, estreando pela McLaren. Dessa forma, o australiano terminou com um tempo de 1min32s203.

Estreias de equipes

Em primeiro lugar, tivemos algumas estreias nestes testes de pré-temporada. A mais impactante foi a da Aston Martin, antiga Racing Point. A equipe de Lawrence Stroll mostrou um bom desempenho com Lance Stroll, que alcançou o 4º tempo, com 1m31s782. Já o outro piloto da equipe inglesa, o tetracampeão Sebastian Vettel, ficou com o 13º tempo, com 1m33s742.

Contudo, não foi a única equipe estreante nos testes desta sexta-feira (12). A Alpine, antiga Renault, também correu pela primeira vez na pista. Todavia, sem um de seus dois pilotos, já que apenas o francês Esteban Ocon entrou no autódromo e fez o terceiro melhor tempo. Seu companheiro de equipe, o bicampeão Fernando Alonso, vai pilotar seu novo carro apenas no 2º dia de testes, neste sábado (13). Entretanto, o espanhol estava nos boxes e parecia já recuperado do acidente que sofreu no início do mês de fevereiro.

Estreias de pilotos

Além disso, houve algumas estreias interessantes em relação a pilotos. A principal delas foi a volta do sobrenome Schumacher à Fórmula 1. Mick Schumacher, filho do heptacampeão Michael, deu suas primeiras voltas com um carro da principal categoria do automobilismo, sob bandeira da equipe americana Haas. O piloto alemão dirigiu apenas no 1º treino e fez um tempo de 1m36s127, ficando apenas com a 16ª melhor marca. Já na 2ª parte do treino, foi a vez do russo Nikita Mazepin estreiar pela Haas. Mazepin fez o 15º tempo, com 1m34s798.

Completando a lista de pilotos estreantes, na segunda parte do treino, o japonês  Yuki Tsunoda entrou na pista pilotando uma AlphaTauri. O piloto, que substitui o russo Daniil Kvyat no grid de 2021, fez o 9º melhor tempo do dia, com 1m32s727.

Mercedes

Todavia, o desempenho mais surpreendente, negativamente, do dia, foi o da atual heptacampeã de construtores, a Mercedes. Problemas de confiabilidade e, principalmente, pouca quilometragem na pista atrapalharam muito o desempenho da equipe alemã. O escolhido para participar da 1ª parte do treino foi o finlandês Valterri Bottas, que teve dificuldades logo na saída para a pista. A escuderia concluiu que se tratava de uma questão no câmbio e reparou antes do fim da sessão. Contudo, Bottas fez apenas seis voltas, fazendo o pior tempo da junção dos treinos, com 1m36s850

Na 2ª parte, foi a vez do atual campeão Lewis Hamilton assumir o carro. Entretanto, oscilou muito devido a mais problemas e fez 42 voltas. Além disso, marcou apenas o 10º tempo, que foi de 1m32s912. Ainda assim, o inglês falou sobre o desempenho da Mercedes no 1º dia de treinos da pré-temporada:

O segundo treino não veio sem desafios, mas existimos para encontrar as soluções dos problemas que aparecem. A reunião depois do teste foi boa, agora temos de seguir no trabalho” – afirmou Hamilton.

Foto Destaque: Divulgação/RBR

João Victor Freire

João Victor Freire

Eu escolhi o jornalismo esportivo pois é o que eu sei fazer desde pequeno, e agora estou finalmente me graduando na área.

6 posts | 0 comments

Comments are closed.