Na volta da torcida, Guarani vence Boa com gol no fim e segue 100% em casa

Na volta da torcida, Guarani vence Boa com gol no fim e segue 100% em casa

Like
968
0
quinta-feira, 08 junho 2017
Futebol Brasileiro

Depois de jogar as duas primeiras rodadas no Brinco de Ouro com portões fechados, o Guarani reencontrou sua torcida com vitória. Apesar da má atuação do Bugre, um gol no fim do segundo tempo garantiu o 100% de aproveitamento em casa. Com o triunfo, os comandados de Vadão assumiram o terceiro lugar da Série B. Já o Boa Esporte perdeu sua primeira como visitante. A equipe mineira vinha de três jogos sem perder.

 

O jogo

 

Na volta da torcida, Guarani sofreu, mas venceu e seguiu com 100% em casa. Foto: Rafael Fernandes/Guarani Press

Jogando no Brinco, é de característica do Guarani partir para cima do adversário desde os primeiros minutos. Foi assim contra o Brasil de Pelotas e Figueirense, porém, no jogo de ontem não foi o que aconteceu. O Boa Esporte adiantou suas linhas de marcação e complicou a saída de bola bugrina. O Guarani errava muitos passes no meio e irritava sua torcida. Pelo lado mineiro, o Boa Esporte tentava chegar em velocidade e com chutes de média distância. Entretanto, as oportunidades criadas por Rodolfo e Fellipe Mateus foram defendidas por Leandro Santos.

As chances alviverdes apareceram quando Eliandro saiu da área para buscar jogo. O atacante mostrou muita vontade, deu arrancadas e arriscou finalizações. Porém, quem abriu o placar para o Bugre foi o veterano Fumagalli. Nos minutos finais da etapa inicial, Claudinho cruzou e Fumagalli dominou livre na marca do pênalti. O camisa 10 chutou e contou com o desvio na zaga para vencer Luan Polli. 1 a 0 no último lance do primeiro tempo.

No segundo tempo, o Guarani voltou recuado e esperando para matar o jogo em um contra-ataque, mas não foi assim que a partida se desenrolou. Aos 16 minutos, Evandro errou na saída de bola e o cruzamento da direita foi bem aproveitado por Wesley. O atacante subiu mais que a zaga e testou para o chão, no canto esquerdo de Leandro Santos. 1 a 1!

Depois disso, o Guarani voltou ao ataque, mas com passes burocráticos e sem objetividade. O time de Campinas teria de vencer a retranca mineira e a impaciência da torcida. O Boa ainda teve chances de virar no contra-ataque, mas desperdiçou. O castigo veio aos 44 minutos. Juninho cruzou da esquerda e o estreante Willian Rocha desviou de cabeça, a bola ainda tocou na trave antes de balançar as redes de Luan Polli. 2 a 1!

 

Tabela 

 

Com a vitória e os tropeços dos rivais, o Guarani saiu da oitava colocação para assumir o terceiro lugar com nove pontos. No próximo sábado (10), o Bugre enfrentará o Paraná, no Durival de Britto. Pelo lado visitante, com a derrota o Boa caiu para o 15o lugar e agora vê a zona de rebaixamento bem próxima. A equipe de Varginha tem os mesmos 5 pontos do primeiro time do Z4, o Goiás. O Boa Esporte tentará a primeira vitória em casa diante do líder Juventude, também no sábado.

 

Torcida

 

Esse foi o primeiro jogo do Guarani com torcida na Série B. A equipe campineira havia sido punida depois da confusão entre torcidas na final da Série C de 2016 – justamente contra o Boa Esporte. Diante do Brasil de Pelotas e do Figueirense, o Bugre jogou com portões fechados. No duelo de ontem, o público foi de 2.847 torcedores e a renda de R$ 37.770,00.

 

Invencibilidade em casa

 

Mais uma vez o Bugre mostrou sua força no Brinco de Ouro. Apesar de jogar mal, o Guarani conseguiu a terceira vitória no terceiro jogo em casa. Todos os pontos conquistados até aqui foram em solo campineiro. Em campeonatos brasileiros, o Verdão está invicto em casa há dois anos.

 

Por Gabriel Manzini

admin

240 posts | 0 comments

Menu Title