Loser!

Loser!

Like
640
0
sexta-feira, 07 setembro 2018
Brasileirão Série A

Por: Ivan Marconato, de São Paulo-SP

Impossível não fazer a analogia com o ex-treinador da equipe do Corinthians, Osmar Loss – um dos mais completos e capacitados profissionais da área técnica, no que se refere às categorias de base-  com a campanha do mesmo, quando efetivado no time profissional do Corinthians.  Como diria o mestre Juarez Soares, um dos melhores cronistas esportivos de seu tempo; “uma coisa é uma coisa, e outra coisa é outra coisa”.

Brincadeiras à parte explicarei a seguir o porquê de citar a frase do Juarez, o bom e velho “China”. A analogia acontece por conta da rápida passagem do técnico Osmar Loss, pela equipe profissional do Corinthians. Afinal de contas, sabemos que, treinar um time das categorias de base, é muito diferente do que se trabalhar com o elenco de profissionais do Timão. E mais: a cobrança que o técnico recebe em treinar a equipe principal é infinitamente maior.

Com Loss à frente da equipe, o Corinthians venceu apenas o Paraná Clube, que é o lanterna do Campeonato Brasileiro.FOTO : Daniel Augusto Jr. Agência Corinthians

Loser, que significa perdedor em inglês, pode, em termos de brincadeira, claro, ser aplicado à campanha do jovem treinador à frente da equipe profissional do Corinthians. Mesmo porque, Loss assumiu a equipe depois da saída de Fábio Carille. Ele chegou à equipe no fim de maio, quando Carille foi para o Al-Wehda, da Arábia Saudita. E a campanha, de fato, não foi das melhores. Foram 25 jogos, com dez vitórias, dez derrotas e cinco empates. Loss deixa o Corinthians na oitava colocação do Brasileirão, com 30 pontos ganhos. Dos últimos sete jogos na competição, o time venceu somente um. Para agravar a situação, a única vitória foi diante Paraná Clube, que é o lanterna do Campeonato Brasileiro.

Mas a diretoria do Corinthians agiu rápido. Para o lugar de Loss, que foi devidamente “rebaixado” às categorias de base da equipe – local onde foi extremamente vitorioso-, trouxe Jair Ventura.  O filho de Jairzinho, “Furacão da Copa de 1970”, treinou o Botafogo, e mais recentemente o Santos F.C.

Será que outro jovem treinador, assim como Loss, terá respaldo e a paciência necessária por parte da diretoria corintiana? Ou será rifado do comando da equipe se os resultados não vierem? Somente o futuro da equipe nas partidas será, efetivamente, capaz de responder à indagação.

Foto em destaque: Daniel Augusto Jr. Agência Corinthians- Site Oficial

Ivan Luis Marconato Rocha

Ivan Luis Marconato Rocha

Jornalista profissional diplomado desde 1998, e pós graduado em Jornalismo esportivo e negócios do esporte. Atua em webrádio desde 2012. Já trabalhou em jornal de bairro, e por 10 anos na NET Serv[...]

311 posts | 3 comments

Comments are closed.