Atropelou! Brasil vence o Japão e segue invicto

Atropelou! Brasil vence o Japão e segue invicto

Like
229
0
sábado, 08 junho 2019
Liga das Nações

Por: Vinicius Carvalho Lima, de São Paulo, SP.

Na manhã deste sábado, 8, o Brasil venceu os donos da casa por três sets a zero sem forçar a partida.

Primeiro set foi pouco complicado. Os japoneses jogando em seus domínios impuseram um ritmo de jogo bom, mas ao decorrer do set a seleção brasileira foi regular e fechou a primeira parcial por 25 a 22.

Já o segundo set foi o mais tranquilo para o time do técnico Renan Dal Zotto, que finalmente pôde ficar à beira da quadra depois de cumprir a suspensão de 4 partidas. Com saques bem executados e os bloqueios encaixados, a seleção brasileira não deu chances ao time japonês que tinha uma forte linha de passe, pois faziam milagres para conseguir deixar a bola no alto, ou seja, a equipe japonesa defendia demais. Os brasileiros superaram bem o poder da linha de passe japonês e fecharam o segundo set em 25 a 19.

Foto: FIVB / Divulgação


No terceiro set, a seleção brasileira rodou seus jogadores colocando em quadra Flávio, Alan, Leal, Lucas Lóh. O time brasileiro foi bem no começo, não desperdiçando contra ataques e o levantador Fernando Cachopa fez muito bem a distribuição. No meio do terceiro set, o Japão ameaçou e chegou a tomar a frente do placar em 16 a 15. Mas não por muito tempo, o Japão não conseguiu segurar a vantagem no placar. Com a pipe de Lucas Lóh, o Brasil fechou o set em 25 a 21 e consequentemente o jogo, por três sets a zero.

Foto: FIVB / Divulgação


O Japão conheceu sua terceira derrota na Liga das Nações enquanto que o Brasil segue invicto com 5 vitórias em 5 jogos e está na liderança na competição.

As duas equipes voltam a quadra nessa madrugada, o Brasil enfrenta o clássico sul-americano com a Argentina às 3h10 e o Japão pega o Irã, mais tarde, às 6h40 da manhã.




Foto em destaque: FIVB / Liga das Nações 2019 / Galeria de fotos.

Vinicius Lima

Vinicius Lima

34 posts | 0 comments

Comments are closed.