Lewis Hamilton se recupera conquista pole position e larga na frente no GP da Grã-Bretanha de F1

Lewis Hamilton se recupera conquista pole position e larga na frente no GP da Grã-Bretanha de F1

1
172
0
sábado, 01 agosto 2020
Fórmula 1

O inglês Lewis Hamilton da Mercedes fez o tempo mais rápido na qualificação do Grande Prêmio da Grã-Bretanha de F1, em Silverstone, neste sábado (01) e vai largar na 1ª posição ao lado do companheiro de equipe, o finlandês Valtteri Bottas. Foi a pole position de número 91 da carreira do piloto inglês.

Por João Rafael Pinheiro, de Gonçalves-MG

A rodada de Lafiti no Q1

A primeira parte da qualificação estava prestes a ser definida nos últimos minutos antes da bandeira quadriculada de encerramento, quando a Williams de Nicolas Latifi perdeu o controle e rodou no lado de fora da pista. A bandeira amarela tremulou no setor 2 da pista, o que obriga os pilotos a andarem com um ritmo menor.

Mesmo assim, o seu companheiro de equipe, o inglês George Russel não respeitou as bandeiras e garantiu um lugar no Q2. Após o fim do treino, onde Russel já tinha conquistado o 15º tempo, ele foi punido pelos comissários por não respeitar as sinalizações e larga de último.

Com isso, o dinamarquês da Haas Kevin Magnussen larga em 15º, e consequentemente o grid terá os dois carros da Alfa Romeu com o italiano Antonio Giovinazzi e o finlandês Kimi Raikkonen, o francês Romain Grosjean da Haas é o 18º. E por fim, na última fila o canadense Nicolas Latifi e George Russell.

A rodada de Lewis Hamilton no Q2

Já no Q2, Nico Hulkenberg que retorna a F1 após Sergio Perez ter testado positivo para o Covid-19, teve momento de brilho. Contudo, não conseguiu levar a Racing Point para a última parte do treino. Porém, não foi só o alemão que ficou fora do Q3. Alexander Albon, o tailandês da Red Bull Racing garantiu apenas o 13º lugar. Com isso, Pierre Gasly larga em 11º, o alemão Nico Hulkenberg é o 12º e Albon o 13º. Com a Alphatauri, o russo Daniil Kvyat fica em 14º.

Bottas tenta, mas Lewis Hamilton comanda Q3

Mesmo que o finlandês, Valtteri Bottas tenha andado boa parte dos treinos livres na frente, o anfitrião da casa, Lewis Hamilton não deixou barato.Acima de tudo, com oito minutos para o fim do Q3, Hamilton fez 1m24s616. Isso fez com ele fosse, 0,3 segundos mais rápido que seu companheiro de Mercedes.

Enquanto, os pilotos de Toto Wolf voavam na frente. A discrepância da Ferrari foi gigantesca e Leclerc e Vettel ficaram distantes do rendimento esperado. Enquanto o monegasco Charles Leclerc garantiu o 4º lugar no grid, o alemão Sebastian Vettel larga da 10ª posição. Por exemplo, a diferença de Bottas e Hamilton foi de 0,3 segundos. Já das Ferraris chegou a 0,9 de um carro para o outro.

Ao fim do treino, Lewis Hamilton cravou 1m24s303 e garantiu a pole position. Bottas larga em segundo, o holandês Max Verstappen é o terceiro.

Lewis Hamilton conquista mais uma pole

Em conclusão, depois do término do treino, Lewis Hamilton afirmou ao site oficial da F1, que a qualificação não foi fácil devido a inconsistência de seu carro. “”Na verdade, não foi realmente uma boa sessão de qualificação para mim”, disse Hamilton depois. “Fiz algumas mudanças na qualificação e foi pior, eu tinha essa inconsistência com o equilíbrio do carro e estava lutando”.

Um velho estreante para o GP é Nico Hulkenberg. O alemão caiu de paraquedas na Racing Point, após a constatação do resultado positivo para o Novo Coronavírus do mexicano Sergio Perez. Contudo, Hulkenberg lutou para chegar ao Q3 e se vê satisfeito com o seu resultado. “Depois de oito meses, é muito difícil voltar e pular em um ambiente completamente diferente – e em um carro de Fórmula 1 que eu nunca dirigi antes e que me apresento imediatamente”, disse Hulkenberg. “Especialmente quando Silverstone é um desafio de alta velocidade e as condições são variáveis ​​ao longo do dia.”

Com isso, o grid de largada ficou com a seguinte classificação:

O Grande Prêmio da Grã-Bretanha de F1 tem transmissão da TV Globo, neste domingo (02), às 10h10 da manhã. Você pode acompanhar em tempo real pelo Twitter, com a #F1naPoli.

Foto destaque: Divulgação / Fórmula 1

João Duarte

João Duarte

Há quatro anos vivencio o jornalismo esportivo na cidade de Tubarão-SC. Desde então, a vontade de aprender cada vez mais sobre o mundo sensacional que o esporte envolve foi frequente. Com o futsal [...]

2 posts | 0 comments

Comments are closed.