Helio Castroneves vence no Iowa e cola na liderança da Fórmula Indy

Helio Castroneves vence no Iowa e cola na liderança da Fórmula Indy

Like
1040
0
segunda-feira, 10 julho 2017
Fórmula Indy

E a seca por vitória que já durava três anos, acabou para Helio Castroneves. Helio não vencia na Fórmula Indy desde a conquista do GP de Detroit, em 2014. E o triunfo no Iowa veio numa boa hora, em meio a boatos de saída da Indy em 2018, ele vence uma prova que o coloca na disputa pelo título. Helio, que liderou 217 das 300 voltas, soma agora 395 pontos e está na segunda colocação, atrás de Scott Dixon, o líder, com 403 pontos.

Helio Castroneves venceu por três vezes as 500 Milhas de Indianápolis, e não precisa provar mais nada para ninguém, nem mesmo o fato de nunca ter conquistado um título na Indy em 20 anos de categoria o descredenciou dentro da equipe e, pelo seu relato ao fim da prova, este tem sido um dos fatores que o colocam entre os melhores competidores da categoria.

“Eu era um pouco mais jovem quando o subia (a grade). Que carro incrível e que equipe incrível. O que posso dizer? Posso dizer que estou sem palavras. Quero agradecer à Penske, ao meu engenheiro e ao engenheiro do carro #3 e também aos meus companheiros. É como se fosse a primeira vez”, declarou Helinho à saída do carro.

“Nunca pensei que não fosse vencer mais, nunca. Nunca esteve na minha cabeça, principalmente por estes caras. Eu tive sempre um grande apoio, especialmente da Penske. A estratégia foi perfeita”, elogiou o piloto.

O segundo colocado foi JR Hildebrand, da Panther Racing, em terceiro Ryan Hunter-Reay, da Andretti, seguido por Will Power, companheiro de Castroneves na Penske. O grupo dos cinco primeiros contou ainda com Graham Rahal, da Rahal Letterman. Josef Newgarden completou as 300 voltas da prova na sexta posição com mais um carro da Penske, enquanto Simon Pagenaud, mais um de seus companheiros de equipe, foi o sétimo. O outro brasileiro na categoria, Tony Kanaan, da Ganassi, cruzou a linha de chegada em nono.

A chuva chegou a ameaçar a corrida, mas somente alguns pingos atingiram o circuito. Por precaução, a direção de prova acionou a bandeira vermelha que não suspendeu o GP muito tempo. Após a interrupção, Helinho partiu para a vitória em Iowa.

A próxima etapa da competição acontece no Canadá, no próximo final de semana, com a realização do GP de Toronto.

 

Confira a classificação final do GP de Iowa:

 

1) Helio Castroneves (BRA/Penske-Chevrolet) – 300 voltas

2) JR Hildebrand (EUA/Carpenter-Chevrolet) – a 3s965

3) Ryan Hunter-Reay (EUA/Andretti-Honda) – a 4s585

4) Will Power (AUS/Penske-Chevrolet) – a 5s740

5) Graham Rahal (EUA/RLL-Honda)- a 10s181

6) Josef Newgarden (EUA/Penske-Chevrolet) – a 11s050

7) Simon Pagenaud (FRA/Penske-Chevrolet) – a 12s256

8) Scott Dixon (NZL/Ganassi-Honda) – a 14s365

9) Tony Kanaan (BRA/Ganassi-Honda) – a 15s118

10) James Hinchcliffe (CAN/Schmidt Peterson-Honda) – a 15s824

11) Alexander Rossi (EUA/Andretti Herta-Honda) – a 1 volta

12) Ed Carpenter (EUA/Carpenter-Chevrolet) – a 1 volta

13) Esteban Gutierrez (MEX/Dale Coyne-Honda) – a 1 volta

14) Max Chilton (GBR/Ganassi-Honda) – a 1 volta

15) Charlie Kimball (EUA/Ganassi-Honda) – a 2 voltas

16) Takuma Sato (JAP/Andretti-Honda) – a 2 voltas

17) Marco Andretti (EUA/Andretti-Honda) – a 2 voltas

18) Ed Jones (EAU/Dale Coyne-Honda) – a 3 voltas

19) Conor Daly (EUA/AJ Foyt-Chevrolet) – Não completou

20) Carlos Muñoz (COL/AJ Foyt-Chevrolet) – Não completou

21) Mikhail Aleshin (RUS/Schmidt Peterson-Honda) – Não completou

Foto: Chris Jones/Indy-Car

Luiz Máximo Moreno Morelo

Meu nome é Luiz Máximo Morelo, sou paulista, 65 anos, comecei no rádio em 1968. Em 1976 fui para a TV Record, depois Rede Bandeirantes, Globo, SBT e por 20 anos trabalhei na TV Cultura. Sempre acom[...]

350 posts | 0 comments

Menu Title