GP de Abu Dhabi de 2012 – A vitória da volta ao passado de Kimi Raikkonen

GP de Abu Dhabi de 2012 – A vitória da volta ao passado de Kimi Raikkonen

1
468
0
sexta-feira, 11 dezembro 2020
Clássicos da Fórmula 1

Essa edição dos Clássicos da Fórmula 1 vai para 2012. No GP de Abu Dhabi, Kimi Räikönen conquistou a vitória dessa corrida que foi a antepenúltima da temporada. No entanto, essa vitória foi marcante por dois motivos. Foi a 1ª vitória de Kimi no retorno à Fórmula 1. E também foi a vitória de uma marca, equipe que reapareceu na F1 e que não vencia desde 1987. Obviamente, estamos falando da Lotus.

Por: Luiz Maximo Morelo, de São Paulo, SP.

Confira também:
GP do Bahrein de 2012 – Uma grande vitória de Sebastian Vettel
A análise da evolução da segurança na Fórmula 1
GP do Bahrein de 2008 – A vitória dominante de Felipe Massa

Clássicos da Fórmula 1 – Vitória do Homem de Gelo no GP de Abu Dhabi de 2012

Contudo, Luiz Maximo Morelo apresenta em podcast, mais uma edição dos Clássicos da Fórmula 1. Saiba em detalhes como foi esse GP. Portanto, aperte os cintos e curta a viagem no tempo.

Assim, clique abaixo para ouvir o podcast no spotify:

A glória no retorno do homem de gelo à Fórmula 1

Ao término da temporada de 2009, Kimi Räikkönen resolveu deixar a Fórmula 1 e fazer carreira no Mundial de Rali. Foram 2 anos afastado das pistas da Fórmula 1.  O homem de gelo experimentou o Mundial de Rali e até a Nascar Truck Series. Entretanto, em novembro de 2011, o finlandês assinou com a Lotus – Grupo Genni.  Portanto, o ano de 2012 marcaria o seu retorno ao circuito da Fórmula 1.

Assim, em 04/11/2012, quase no final daquela temporada, o grande dia do “Iceman” chegou! O retorno também ao lugar mais alto do pódio. Justamente no circuito de Yas Marina, no GP de Abu Dhabi, antepenúltima etapa da temporada.

De fato, foi uma corrida que parecia que Lewis Hamilton levaria a vitória. Entretanto, o carro do piloto inglês quebrou no meio do caminho. Assim, a vitória caiu no colo de Kimi Räikkönen, que havia largado em 4º. Kimi Raikkonen havia vencido pela última vez no GP da Bélgica de 2009. Ou seja, no ano da sua saída da Fórmula 1.

Desde 1987 um carro com o nome Lotus não vencia uma prova da Fórmula  1. A última vez havia sido com Ayrton Senna, no GP de Detroit daquele ano. É bem verdade que não se tratava da mesma Lotus de Collin Chapman. A versão Lotus de 2012, era na verdade a antiga Renault e tinha sido adquirida pelo grupo Genii. Foi a 1ª de 2 vitória da Lotus do grupo Genii. Kimi voltaria a vencer em 2013, na primeira etapa da temporada, GP da Austrália.

Pódio e os brasileiros

Por fim, no pódio ao lado do finlandês, estavam Fernando Alonso e Sebastian Vettel que fez uma ótima corrida. Vettel perdeu um pedaço da asa dianteira após uma tentativa de ultrapassagem sobre Bruno Senna. Mas após uma corrida com a “faca nos dentes”, o alemão até então bicampeão, chegou em 3º lugar.

Entre os brasileiros, Felipe Massa estava fazendo boa corrida, mas foi atrapalhado por uma manobra louca de Mark Webber, que fez o brasileiro rodar. Final das contas Massa terminou em 7º. Já Bruno Senna foi outro destaque da prova. Largando em 14º, mesmo com problemas na largada, foi para o final do pelotão. Mas superou esse problema inicial e os adversários. Em suma, numa grande corrida de recuperação, conseguiu finalizar em 8º lugar.

Chegada

Fórmula 1 2012 - Resultado final do GP do Abu Dhabi

 

Foto destaque: Reprodução/Wikipedia

Luiz Máximo Moreno Morelo

Meu nome é Luiz Máximo Morelo, sou paulista, 65 anos, comecei no rádio em 1968. Em 1976 fui para a TV Record, depois Rede Bandeirantes, Globo, SBT e por 20 anos trabalhei na TV Cultura. Sempre acom[...]

350 posts | 0 comments

Comments are closed.