Fórmula E busca manter E-Prix de Roma apesar de lockdown na Itália

Fórmula E busca manter E-Prix de Roma apesar de lockdown na Itália

1
397
0
quinta-feira, 25 março 2021
Fórmula E

A Fórmula E está buscando meios de viabilizar a sua próxima etapa, que vai acontecer em Roma. A prova está sob risco, pois a Itália decretou o seu terceiro lockdown em cerca de um ano. A medida do governo italiano visa frear os casos de COVID-19 no país, que cresceram muito nos últimos dias. No entanto, a organização do evento acredita que pode realizar a prova no dia 10 de abril.

Por Yuri Braule, de Araucária-PR

Organizadores buscam realizar prova em Roma

Ainda não se sabe se terá Fórmula E em Roma no dia 10 de abril. O E-Prix deve ser disputado no fim de semana seguinte à quarentena, no entanto, a logística não permitiria o evento. A Itália requer uma quarentena mínima de 15 dias para estrangeiros e, portanto, será necessário contornar essa regra para aceder ao país. Essa autorização, no entanto, já está concedida para boa parte do staff.

Os organizadores acreditam que não haverá problemas para realizar a prova, pois ela acontecerá em uma área comercial da cidade. Além disso, em entrevista para o portal The Race, Alberto Longo, oficial da Fórmula E, diz apostar em uma “bolha completa” para o evento. Desse modo, pilotos, organizadores, staff e mecânicos não teriam acesso ao resto da população da Itália.

“Não iríamos correr se não estivéssemos confiantes nos protocolos de saúde e segurança que usamos para proteger a comunidade da Fórmula E ou os residentes das cidades em que corremos”

 

Entenda o Lockdown em Roma

A Itália decretou o seu terceiro lockdown após a chegada do coronavírus, pois os casos aumentaram. Desse modo, quase todas as regiões do país entraram na bandeira vermelha ou laranja. A Ilha da Sardenha, no entanto, é o único local com poucas restrições. No caso de Lazio, região que abriga Roma, eles estão na zona vermelha, portanto, seus moradores só podem sair em caso de urgência.

A medida tem o intuito de diminuir os casos de COVID-19 na Itália, assim aliviando a pressão sobre os hospitais. O país teve um grande aumento nos casos recentemente, desse modo registrando 155.934 infecções entre os dias 8 e 14 de março. As restrições acontecerão até o dia 7 de abril, no entanto, é possível que essa data se estenda se o número de casos não diminuir.

 

Foto destaque: Reprodução/Fórmula E

Yuri Braule

18 posts | 0 comments

Comments are closed.

Menu Title