Família Pereira disputa cinturões em super evento do Glory

Família Pereira disputa cinturões em super evento do Glory

3
151
0
sexta-feira, 29 janeiro 2021
Kickboxing

No próximo sábado (30), uma super edição do Glory Kickboxing será realizada. A edição 77 do evento conta com três disputas de cinturão, e ainda mais, um torneio dos pesos-pesados. Decerto, o maior destaque para os brasileiros, é a presença dos irmãos Alex e Aline. O evento acontecerá em Roterdã na Holanda. Para acompanhar o evento, é necessário adquirir o Pay-Per-View do Glory.

Por: Ayrton Niño, do Recife (PE) 

 

Estão previsto para a noite, um total de 9 lutas. Das quais, três por disputas de cinturão, como já dito. Entretanto, esse número poderia ser maior. O esperado era também que no peso-pesado houvesse uma contenda valendo o cetro. Entre o atual campeão Rico Verhoeven e o desafiante Jamal Ben Saddik. Contudo, o marroquino lesionou as costas num treino, e infelizmente teve que ser retirado do evento.

TIFFANY VAN SOEST X ALINE PEREIRA

Desde já é uma luta muito aguardada pelo público brasileiro que acompanha o Kickboxing. Assim como seu irmão, Aline tem a oportunidade de deter mais um cinturão do evento mais importante do esporte, para o Brasil. Sendo assim, a brasileira precisa vencer a atual campeã, Van Soest. Logo, o confronto acontece pela categoria super-galo (55,3 kg). O combate é o segundo do card principal.

Por um lado, a atual campeã é uma atleta experiente, vai para sua décima luta no Glory (7-2), aliás, a americana tem um longa jornada com o cinturão. Já foi a desafiante e a desafiada, por muitas ocasiões. Ademais, na sua última luta, recuperou o cetro, ao vencer Anissa Meksen. Por outro lado, Aline Pereira tem uma carreira mais curta. E apenas na sua terceira luta na organização (2-0), já tem o title-shot em mãos.  Porém, ambas lutadoras tem algo em comum, não lutaram no último ano de 2020. Além disso, as duas estiveram nesse mesmo card. No Glory 71 em Chicago, no dia 22 de novembro de 2019.

Por fim, a Aposta Indicada para esse combate. As armas da americana passam pela intensidade e pela pressão que costuma tentar impor, além disso, tem boas combinações e é perigosa na curta distância. Já do outro lado, Aline põe bastante força nos seus golpes, é capaz de nocautear com golpes singulares, e fisicamente é muito abençoada, tem pernas e braços muito longos, por isso, consegue controlar muito bem a distância. Dessa forma, apesar da ainda “pouca experiência” profissional e de ser azarão no confronto, indicamos vitória da Aline Pereira, pagando 3,15 na (betwarrior.bet). 

DOUMBE X GROENHART

De antemão, o confronto é valido pela categoria dos meio-médios (77kg). De um lado Cédric Doumbé, o francês conta com um card de 74-6-1. É o atual campeão da categoria. Dessa maneira, o atleta vive um ótimo momento na carreira, e venceu suas últimas seis lutas. The Best está no seu segundo reinado no Glory. Assim sendo, recuperou o cinturão em 2019, ao vencer Harut Grigorian. Do outro lado, Murthel Groenhart, o holandês detêm um cartel de 69-34-3. Nas suas últimas quatro lutas, venceu duas e perdeu as outras duas.

Ambos os lutadores são velhos conhecidos. Já que se enfrentaram em outras duas oportunidades. Na primeira oportunidade, em 2016, pelo Glory 28, Cédric venceu por decisão unânime.  Bem como, no segundo confronto, o resultado foi o contrário. Nessa altura, Doumbé já era campeão da organização, e estava na sua terceira defesa, contudo, foi derrotado por Groenhart por decisão dividida, no Glory 44, em 2017. Portanto, a luta desse sábado (30) é um tira-teima entre os atletas.

O reinado de Groenhart foi muito curto, e perdeu logo na primeira defesa. Desde então, o lutador vem oscilando entre derrotas e vitórias. Por outro lado, como já foi dito, Cédric vive um momento de equilíbrio na carreira, e de boas vitórias. Dessa forma, a Aposta Indicada é de vitória e manutenção do cinturão para Cédric “The Best” Doumbé, pagando 1,31 na  betwarrior.bet . 

ARTEM VAKHITOV X ALEX “POATAN’ PEREIRA

Antes de mais nada, a disputa pelo cinturão dos Meio-pesados é o confronto mais esperado do evento. Em um corner teremos o atual detentor do cinturão da categoria, o russo Artem Vakhitov. Que carrega um cartel de 21-5. Atualmente o lutador esbanja uma sequência de sete vitórias seguidas. No outro lado, Alex Pereira, atual campeão interino dos meio-pesados e campeão da categoria super-médio. O brasileiro carrega seu cartel de 32-6. Do qual venceu suas últimas oito lutas no Glory, sendo que nas últimas três por nocaute. Além disso, para confirmar o momento dominante do atleta, no final de 2020, disputou uma luta de MMA no evento LFA, e finalizou a luta com um KO assustador. Aliás, foi escolhido o nocaute do ano na organização.

A expectativa é de uma luta muito equilibrada. São dois dos atletas de mais alto nível do esporte. As melhores armas do russo, são a velocidade do seu jab, a capacidade de pressionar constantemente, e suas boas combinações. Por outro lado, Alex é nocauteador, capaz de derrubar seus adversários com golpes singulares, seu cruzado de esquerda é devastador. Além disso,  tem como grande trunfo, sua altura e envergadura, por isso, controla muito bem a distância, e é muito bom encontrando ângulos.

De todos os confrontos do Glory 77, esse é o que promete ser os mais equilibrado e imprevisível. Isso pode ser percebido pelos valores das odds no betwarrior.bet.  O russo vem de um longo período afastado por lesão na mão. O brasileiro está nas pontas dos cascos há um longo tempo. Dessa forma, a Aposta Indicada é de vitória e novo campeão, para Alex Pereira.

GP DOS PESOS PESADOS

A princípio, como já foi dito, haveria uma disputa pelo cinturão dos pesos-pesados. Rico Verhoeven e Jamal Ben Saddik estavam certos de fazer a luta principal. Porém, ocorreu a lesão de Jamal. O que mudou os planos do Glory. Invés de uma luta por título, agora acontecerá um torneio. Contudo, o cinturão não está em jogo. Juntos ao campeão, estão no GP, Hesdy Gerges, Tarik Khbabez e Levi Rigters. Num lado da chave estão Rico e Hesdy, e do outro lado, Tarik e Levi. Os vencedores de cada confronto se enfrentam na luta principal do evento. O favoritismo é todo do atual campeão dos pesos pesados, Rico Verhoeven.   

Foto destaque: divulgação/Glory 

Ayrton Niño

Ayrton Niño

Historiador pela UFPE e graduando em Jornalismo pela UniNassau.

24 posts | 0 comments

Comments are closed.