Corinthians/Audax faz o dever de casa e avança para a final sobre o Rio Preto.

Corinthians/Audax faz o dever de casa e avança para a final sobre o Rio Preto.

Like
1701
0
segunda-feira, 10 julho 2017
Futebol Brasileiro

Corinthians/Audax x Rio Preto se enfrentaram no início da noite deste domingo, na Arena Barueri e fizeram um ótimo duelo na disputa do segundo jogo válido pela semifinal do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino de 2017. A equipe da Rádio Poliesportiva esteve na cidade de Barueri e trouxe cada detalhe deste jogão de bola. A partida terminou com o placar de 1 a 0, que foi o suficiente para o Timão avançar para a final do Brasileirão de Futebol Feminino ao lado do Santos. A responsável pelo gol da classificação corinthiana foi a zagueira Pardal. Se você perdeu algum detalhe, não deixe de acompanhar o resumo do duelo.

O Coringão, treinado por Arthur Elias foi a campo com a seguinte escalação: Lelê; Paulinha, Pardal, Mimi e Juci; Ana Vitória (Mônica Peçanha), Grazi e Cacau(Geyse); Gabi Nunes, Byanca Brasil e Nenê (Maglia).

O Rio Preto, do técnico Chicão Reguera foi a campo com: Letícia Bussatto; Gabi Lira, Edilaine, Siméia e Mariana; Maiara (Maria Jesus), Suzana e Lelê (Mônica);  Adriana, Darlene e Millene (Ana Alice).

 

Primeiro tempo

 

Era o Corinthians que precisava de, pelo menos uma vitória simples, após perder o primeiro confronto por 2 a 1, em São José do Rio Preto, mas quem tomou a iniciativa em tentar os primeiros ataques do jogo foi o time do Rio Preto. Aos poucos o Corinthians passou a dominar a posse de bola e começou a investir nas jogadas ofensivas, mas esbarrava na defesa do Rio Preto, que se mostrava muito consistente. O primeiro tempo estava morno e a chance de maior perigo de todo o primeiro tempo ficou com o Corinthians, que chegou à meta da goleira Letícia Bussatto no bate-rebate após levantamento na área, que teve a primeira conclusão feita pela zagueira Pardal, que acertou a trave e, em seguida, Gabi Nunes bateu para o gol, mas a linha defensiva do Rio Preto afastou o perigo dali.

 

Segundo tempo

 

Com um jogo muito mais tenso do que o visto na primeira etapa, o Corinthians conseguiu envolver o Rio Preto com boas jogadas e as chances do time alvinegro aumentaram. Tanto é que, aos 15 minutos da etapa final o Corinthians chegou com muito perigo, após ótimo chute de Byanca Brasil, mas que foi parado pela própria jogadora do Corinthians, Gabi Nunes que tentava disputar a bola com a lateral Edilaine do Rio Preto. No mesmo lance a bola ainda resvalou na goleira e saiu para escanteio. Na cobrança do escanteio pelo lado esquerdo do ataque do Timão a bola encontrou a zagueira Pardal, que nesta oportunidade só teve o trabalho de tocar com o pé na bola e abrir o placar após bobeira da zaga do time do interior paulista.

Após o gol do Corinthians houve muita reclamação das jogadoras do Rio Preto com a arbitragem. A jogadora de camisa número sete, Darlene, foi expulsa após discussão acalorada com o juiz da partida.

Mesmo com uma jogadora a menos o Rio Preto passou a atacar com perigo e fez a goleira do Corinthians, Lelê, trabalhar por algumas vezes. Quando o time do interior estava com a superioridade no momento da partida, a lateral Edilaine acabou levando seu segundo cartão amarelo e também deixou o gramado. A partir dos 34 minutos o Rio Preto se via com apenas nove jogadoras em campo e o Corinthians, assim, voltou a ter o controle da partida. Byanca Brasil incendiou ainda mais a partida após aplicar dribles sobre as zagueiras do time de São José do Rio Preto. Ainda houve tempo para mais algumas boas oportunidades do Timão, mas todas foram desperdiçadas e o placar ficou em 1 a 0 na Arena Barueri, carimbando a classificação do Corinthians para a final contra o Santos, no duelo entre times alvinegros. As datas da final ainda não foram definidas pela organização do campeonato.

Confira abaixo as entrevistas feitas ao final do jogo em Barueri.

 

Texto de Gabriel Max

Sonoras de Gabriel Max, Ivan Marconato e Bruno Filandra Lopes

Ivan Luis Marconato Rocha

Ivan Luis Marconato Rocha

Jornalista profissional diplomado desde 1998, e pós graduado em Jornalismo esportivo e negócios do esporte. Atua em webrádio desde 2012. Já trabalhou em jornal de bairro, e por 10 anos na NET Serv[...]

311 posts | 3 comments