Com gols no primeiro tempo, São Paulo vence Flamengo e se distancia da zona do rebaixamento

Com gols no primeiro tempo, São Paulo vence Flamengo e se distancia da zona do rebaixamento

Like
1015
0
segunda-feira, 23 outubro 2017
Brasileirão Série A

 

Tarde de domingo fria e chuvosa na capital paulista, resultado negativo na última quarta-feira no Maracanã diante do Fluminense. O Flamengo, adversário que figura na parte de cima da tabela, precisava da vitória para se aproximar da zona de classificação direta para a Taça Libertadores da América de 2018. Com todos esses ingredientes o torcedor são-paulino foi para o estádio preocupado com o que poderia acontecer. Mas logo que a bola rolou esse mesmo torcedor se sentiu aliviado com a postura da equipe tricolor dentro de campo, principalmente no primeiro tempo.

 

E foi necessária apenas uma etapa para os comandados de Dorival Jr. conquistarem os três pontos e se distanciarem ainda mais da temida zona de rebaixamento, 2 a 0 no placar e um respiro na competição. Com a vitória o São Paulo foi a 37 pontos ficando na 14ª posição na tabela de classificação. Já o Flamengo permaneceu com 46 em sexto.

 

Lucas Pratto e Hernanes decidem

 

Ainda assombrado pela zona de rebaixamento o São Paulo entrou em campo para enfrentar o Flamengo, com a missão de apagar a má atuação deixada na derrota por 3 a 1 diante do Fluminense na rodada anterior no Maracanã. E as expectativas dos torcedores são-paulinos foram atendidas. Com uma nova postura o tricolor foi eficiente na marcação sem dar espaços para o rubro-negro carioca criar jogadas.

 

Essa eficiência foi recompensada logo aos 13 minutos. Após cobrança de escanteio de Hernanes, Edimar desviou de cabeça e Réver, zagueiro flamenguista tentou tirar, mas a bola acabou sobrando para Lucas Pratto que só teve o trabalho de empurrar para o gol vazio. Os jogadores do Flamengo ficaram pedindo toque no braço do atacante são-paulino, não marcado pela arbitragem.

 

Com Jucilei de volta ao meio-campo da equipe, Dorival Jr. liberou Petros e Hernanes para criar as jogadas. Já Reinaldo Rueda não pôde contar com o atacante Paolo Guerrero machucado e Diego começou no banco de reservas, tais ausências foram sentidas e o Flamengo pouco assustou Cidão. Aos 39 minutos o São Paulo conseguiu o segundo gol. A jogada começou nos pés do próprio goleiro do tricolor que deu um chutão, Militão desviou de cabeça e ela sobrou para Cueva na lateral-direita, depois de cruzar para a área, Hernanes subiu sozinho na marca do pênalti e cabeceou firme para o fundo do gol de Diego Alves. 2 a 0 logo na primeira etapa.

 

Flamengo para em Sidão

 

No segundo tempo o técnico Reinaldo Rueda colocou Diego em campo para tentar melhorar o setor de criação rubro-negro. A equipe abusava das jogadas aéreas, porém sem sucesso. A vantagem no placar fez o São Paulo recuar o que chamou o time do Flamengo para seu campo de defesa. Sorte do tricolor que o mesmo sistema defensivo fez uma boa partida contando inclusive com defesas milagrosas de Sidão principalmente nos acréscimos. Sem conseguir passar pela defesa são-paulina o Flamengo acabou derrotado permanecendo uma posição abaixo da zona de classificação direta para a fase de grupo da Taça Libertadores da América 2018.

 

Com a vitória o São Paulo foi para 37 pontos na 14ª posição na tabela e enfrenta o Santos, no próximo sábado pela 30ª rodada, às 17 horas no Pacaembu. Já o Flamengo permaneceu com 46 pontos na sexta colocação e faz o clássico contra o Vasco da Gama, também no sábado às 19 horas (horário de Brasília) no Maracanã.

 

 

FICHA TÉCNICA

 

SÃO PAULO 2 x 0 FLAMENGO

 

Campeonato Brasileiro – Série A – 30ª Rodada

Estádio Paulo Machado de Carvalho (Pacaembu), São Paulo/SP

Data: Domingo, 22 de outubro de 2017 – 17h00

Público pagante: 31.285

Renda: R$ 887.460,00

 

Gols: Lucas Prato 13’ do 1º tempo; Hernanes 39’ do 1º tempo.

 

Árbitro: Rafael Traci – PR (CBF)

Árbitro assistente 01: Ivan Carlos Bohn – PR (CBF)

Árbitro assistente 02: Luciano Roggenbaum – PR (CBF)

Árbitro assistente adicional 01: Adriano Milczvski – PR (CBF)

Árbitro assistente adicional 02: Edina Alves Batista – PR (FIFA)

Quarto árbitro: Pedro Martinelli Christino – PR (CBF)

 

SÃO PAULO: Sidão; Militão (Aderllan Santos), Rodrigo Caio, Arboleda e Edimar; Jucilei, Petros, Hernanes, Cueva (Jonatan Gomez) e Marcos Guilherme (Denilson ); Lucas Pratto

Técnico: Dorival Jr.

 

FLAMENGO: Diego Alves; Pará, Juan, Réver, Trauco; Cuéllar, Willian Arão, Everton (Gabriel) e Everton Ribeiro; Geuvânio (Lucas Paquetá) e Berrio (Diego).

Técnico: Reinaldo Rueda

 

Equipe de transmissão da esq. para a dir. Gabriel Max (comentarista e operação técnica), Murilo Franco (narrador) e Ivan Marconato (repórter).

 

Gols do jogo

Ouça os gols de São Paulo 2 X 0 Flamengo na narração de Murilo Franco:

 

Reportagens de Ivan Marconato após a partida

 

Marcos Guilherme – do São Paulo:

 

Sidão – goleiro do São Paulo:

 

Jucilei – do São Paulo:

 

Diego Alves – goleiro do Flamengo

 

 

Foto de capa: Ivan Marconato / Rádio Poliesportiva

 

Redator da matéria: Rafael Regis

Rafael Regis

Rafael Regis

62 posts | 0 comments