Coluna Toque de Letras: Até a pé…

Coluna Toque de Letras: Até a pé…

Like
1239
0
segunda-feira, 11 dezembro 2017
Futebol Internacional

Fica muito difícil não obedecer a norma culta da língua portuguesa, e não começar a coluna semanal Toque de Letras, para o site da Rádio Poliesportiva com um clichê.  Clichê que virou praxe na imprensa esportiva quando o assunto é ser abordado é o Grêmio de Foot Ball Porto -Alegrense.  Afinal de contas, 10 entre 10 jornalistas esportivos definem o tricolor gaúcho como um “time copeiro”.

E depois de vencer o Hamburgo, da Alemanha, na final do Mundial de Clubes em 1983, e ser derrotado pelo Ajax, da Holanda, em 1995.

Hugo De Leon, zagueiro uruguaio e capitão do Grêmio com a taça de campeão em 1983 . FOTO: Site Oficial do Grêmio

 

 

 

 

 

 

 

O discurso utilizado pela maioria do elenco e também pelo treinador gremista, Renato Portaluppi, o Renato Gaúcho é de absoluto respeito aos adversários e acima de tudo, de não mudar as características táticas e técnicas, que são a “alma” do time do Grêmio.  O treinador afirma que o respeito ao adversário é importante, mas o pensamento gremista é grande, e que acima de tudo, o time gaúcho está em Abu-Dhabi para ganhar, e voltar ao Brasil com o bicampeonato mundial na bagagem.

Mas para ganhar, é preciso vencer primeiro o jogo semifinal, diante do time mexicano do Pachuca. Até mesmo, para não ser surpreendido como outros dois gigantes clubes brasileiros. Casos do Internacional de Porto Alegre, que em 2010, foi derrotado pelo modesto Mazembe, da República Democrática do Congo, pelo placar de 2 a 0.  E também do alvinegro Atlético Mineiro, que também foi surpreendido nas semifinais, quando foi derrotado em Marrakesh, no Marrocos, pelos donos da casa do Raja Casablanca, que golearam o Galo por 3 a 1, e foram à final da competição no ano de 2013.

Bom futebol, confiança, experiência e cautela. Esses são os ingredientes para que o Grêmio, do hoje técnico, Renato Gaúcho, volte com o bicampeonato mundial na bagagem. Bicampeonato que também terá gosto mais que especial para Renato.  Afinal de contas, ele foi campeão e autor dos dois gols gremistas na vitória gaúcha em 1983, diante do Hamburgo da Alemanha.

o técnico Renato Gaúcho, com companheiros da Delegação em 1983, em foto após treino da equipe em Abu Dhabi. FOTO: Site Oficial do Grêmio

Portanto, torcedor gaúcho, acompanhe com paixão e respeitando a paciência, pois um passo de cada vez, terá de ser dado em busca deste caneco. Será que os gremistas serão bem sucedidos?  Vamos aguardar os jogos com paciência e fé. Até a pé!

 

Foto em destaque:  Site Oficial do Grêmio de Foot Ball Porto-Alegrense

 

Redator: Ivan Marconato, de São Paulo. Repórter da Rádio Poliesportiva, jornalista e pós graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte e escreve às segundas-feiras a coluna Toque de Letras.

Ivan Luis Marconato Rocha

Jornalista profissional diplomado desde 1998, e pós graduado em Jornalismo esportivo e negócios do esporte. Atua em webrádio desde 2012. Já trabalhou em jornal de bairro, e por 10 anos na NET Serv[...]

311 posts | 3 comments

Menu Title