Clássicos da Fórmula 1: GP da Áustria de 2002

Clássicos da Fórmula 1: GP da Áustria de 2002

Like
504
0
sábado, 29 junho 2019
Fórmula 1

Por: Luiz Maximo Morelo, de São Paulo, SP.

Pocast

Luiz Maximo Morelo apresenta o Boletim Polimotor com uma clássico da Fórmula 1. O GP da Áustria de 2002. Confira o podcast abaixo:

Texto

Um dos momentos de maior vexame na Fórmula 1. O GP da Áustria de 2002 ficou marcado negativamente para sempre como uma das corridas mais vergonhosas da Fórmula 1 em todos os tempos.

Rubens Barrichello largara bem e mantém a liderança praticamente a corrida toda. Enquanto que Michael Schumacher ultrapassa o irmão Ralf Schumacher para ficar em segundo lugar.

O brasileiro abra vantagem tranquila para o alemão, entre dois e quatro segundos. Rubens Barrichello fez a melhor volta oito vezes até o primeiro pit stop, na volta 24, quando o safety car entra.

Por mais de 20 voltas, Michael Schumacher fica atrás de Ralf Schumacher, que adota estratégia diferente, de só um pit stop. Com isso, Rubens Barrichello fica ainda mais tranquilo na ponta. O alemão só sobe para segundo a 24 voltas do fim.

Restando oito voltas para o fim, quando Rubens Barrichello tinha quatro segundos de frente, sai a ordem de Jean Todt. Na última curva da última volta, o brasileiro dá passagem.

Ferrari é multada em US$ 1 milhão não pela ordem, mas por quebrar o protocolo no pódio, pois Michael Schumacher deu o troféu da vitória a Rubinho e o puxou para o topo.



Foto em destaque: The Cahier Archive

Luiz Máximo Moreno Morelo

Luiz Máximo Moreno Morelo

Meu nome é Luiz Máximo Morelo, sou paulista, 65 anos, comecei no rádio em 1968. Em 1976 fui para a TV Record, depois Rede Bandeirantes, Globo, SBT e por 20 anos trabalhei na TV Cultura. Sempre acom[...]

344 posts | 0 comments

Comments are closed.