Análise: fase de grupos do Campeonato Carioca de Basquete Sub-19

Análise: fase de grupos do Campeonato Carioca de Basquete Sub-19

Like
358
0
quinta-feira, 03 dezembro 2020
Campeonato Carioca

O Campeonato Carioca de Basquete Sub-19 começou no dia 14 de outubro. Por certo, o último jogo da fase de grupos foi exatamente um mês depois. Dessa maneira, a Rádio Poliesportiva analisou rodada a rodada de como foi o começo do torneio. A princípio, Flamengo e Fluminense foram os líderes dos grupos A e B, respectivamente.

Por Pedro Cardoso, Rio de Janeiro-RJ

A última partida da fase de classificação do Campeonato Carioca de Basquete sub-19 ocorreu no dia 14 de novembro. Com isso, as semifinais estão formadas com Vasco, Flamengo, Tijuca e Fluminense. Na fase de grupos, o Rubro-negro conseguiu a liderança no grupo A. Em seguida, veio o Tijuca, na 2ª colocação. Já no grupo B, o Tricolor foi o primeiro e, assim, a vice-liderança ficou com o Gigante da Colina.

Confira a análise da Rádio Poliesportiva da fase de grupos do Campeonato Carioca de Sub-19.

1° RODADA

A primeira rodada do torneio começou no dia 14 de outubro com dois jogos: Instituto Nautt’ilus x Botafogo e Fluminense x Grajaú. Sem muitas surpresas, Botafogo e Fluminense saíram com a vitória. No primeiro jogo, o clube alvinegro teve dificuldades em segurar o camisa 16 do Nautt’ilus, Pedro Cerqueira. O jovem converteu 23 pontos e gerou preocupação. Porém, não foi o suficiente para vencer a equipe comandada por Bruno Gomes. Final de jogo: 64 x 74 para o Botafogo. Assim como no jogo do Alvinegro, o Tricolor Carioca também teve dificuldades com um jogador específico do time adversário. O nome da dor de cabeça do Fluminense neste jogo foi Luiz Henrique, do Grajaú, que conseguiu marcar 24 pontos. Porém, assim como o desfecho do jogo anterior, não foi o suficiente, e a partida terminou 66 x 52 para o Fluminense.

Os jogos 3 e 4 foram nos dias 15 e 16 de outubro, respectivamente. Por certo, Tijuca enfrentou o Jacarepaguá, e o Vasco enfrentou o Clube Desportivo Atitude. Ambos os duelos tiveram placares centenários. Sem muita dificuldade o Tijuca venceu por 43 x 107. Já o Vasco garantiu a vitória com o placar final de 114 x 23. Já o jogo 5, entre Municipal e Niterói, foi atrasado no dia 4 de novembro. A partida foi bem parelho entre os times. Nos dois primeiros quartos, Niterói se manteve à frente, porém, no 3° quarto, o rendimento do clube niteroiense caiu bastante. Dessa forma, o Municipal conseguiu se recuperar com André de Araújo e Carlo Daniel. Já no último quarto, Niterói contou com grandes atuações de Pedro Magalhães e Diego Nesserala para garantir a vitória por 48 x 51.

2° RODADA

Diferentemente da 1ª rodada do Campeonato Carioca, a 2ª começou com um jogo tranquilo e sem muitos pontos. O Grajaú enfrentou o Municipal em um duelo calmo, que terminou 52 x 30 para o time do Grajaú. Nos últimos quartos, o Municipal até chegou perto, mas não conseguiu liderança em nenhum deles. Logo, Grajaú conseguiu sair à frente em todos os quartos, adquirindo uma vitória tranquila.

Já no segundo dia da 2ª rodada. tivemos Botafogo x Flamengo e Atitude x Fluminense. A primeira partida do Rubro-negro pelo Campeonato foi bem disputada, e o time garantiu a vitória em detalhes dos últimos quartos, já que nos dois primeiros o domínio foi do Alvinegro. A partida terminou 75 x 79 para o Fla. Com isso, os destaques do jogo foram os camisas 5 de cada time, João Vitor, por parte do Flamengo, e Luan de Oliveira, do Botafogo.

Já na outra partida, Fluminense, que veio de vitória, garantiu um placar centenário em cima do Atitude, que não conseguiu parar o Tricolor. O Clube Desportivo Atitude acaba sendo derrotado pela segunda vez no Campeonato em um placar de 24 x 118 a favor do Flu. Nos dois últimos jogos da rodada, o Instituto Nautt’ilus, que chegou próximo à vitória no duelo contra o Botafogo, enfrentou o Jacarepaguá, que havia sido derrotado pelo Vasco. Por outro lado, Niterói foi contra o Vasco, que veio de uma vitória gigante. Dessa vez, o Instituto Nautt’ilus ganhou, e o Jacarepaguá foi para sua segunda derrota no torneio. O jogo terminou 71 x 34. Já no encontro dos dois times que vieram de vitória, o Vasco levou a melhor. Derrotou o Niterói por 47 x 86.

3° RODADA

O primeiro jogo da 3ª rodada já começou com uma partida agitada. Por certo, o Grajaú venceu o Clube Desportivo Atitude com um placar centenário: 104 x 28. Foi a terceira derrota do Atitude e segunda vitória do Grajaú no Campeonato. Por outro lado, o Fluminense conseguiu manter sua invencibilidade. Com o triunfo em cima do Niterói por 85 x 45, o Tricolor consegue sua terceira vitória em três partidas. Outro time que foi para a sua terceira derrota no Campeonato é o Jacarepaguá, que não conseguiu se organizar e perdeu para um dos times mais fortes: o Flamengo. O placar final foi 98 x 31, sem muitas dificuldades para o lado rubro-negro.

Os dois últimos jogos da rodada foram muito movimentados e com bastantes pontos. Vasco, que veio de duas vitórias consecutivas, enfrentou o Municipal, que veio de duas derrotas seguidas. Confronto importante para ambos. Porém, Municipal se reuniu ao Atitude e Jacarepaguá, e ficou com a terceira derrota. Por outro lado, Vasco garantiu o segundo placar centenário do time no Campeonato e, dessa maneira, seguiu no torneio com três vitórias. Único quarto que foi disputado foi o segundo, mas nada que fez um grande efeito no resultado do jogo, que terminou em 100 x 51. Já a última partida foi entre Tijuca e Instituto Naut’ilus. Tijuca dominou boa parte do jogo, perdendo somente o último quarto. Porém, ganhar no último quarto não foi o suficiente para Instituto Nautt’ilus chegar. O resultado foi 92 x 43 para o clube tijucano.

4° RODADA

No começo de novembro, foi o início da 4ª rodada. O primeiro confronto foi entre Niterói e Grajaú. O jogo teve poucos pontos e foi meio parado, mas Grajaú dominou os quatro quartos do jogo, não dando chances para o clube niteroiense. O destaque novamente foi para o Luiz Henrique, do Grajaú, que, dos 53 pontos do time, fez 25. Por certo, o duelo terminou 30 x 53. Já na segunda partida da rodada, o Botafogo enfrentou o Jacarepaguá, que precisava de uma vitória, visto que já possuía três derrotas. Mas querer não é poder, e o Botafogo derrotou o Jacarepaguá com um placar centenário: 104 x 35.

O terceiro confronto foi um clássico carioca: Fluminense x Vasco. O Tricolor conseguiu dominar o jogo inteiro e venceu em todos os quartos. Os destaques foram Igor Gabriel e Danilo Fernandes, que, juntos, garantiram 42 pontos para o Flu. O clássico foi 77 x 51 para o Tricolor. Os dois últimos jogos da rodada foram muito disputados. Flamengo venceu o Tijuca por 76 x 65. A partida foi disputada em todos períodos, mas o Rubro-negro conseguiu continuar com a invencibilidade. Por outro lado, foi o duelo dos outros dois times que perderam três vezes: Municipal e Atitude. Era a chance de um dos dois clubes garantirem a primeira vitória da fase de grupos. Em um jogo truncado, o Municipal superou o Atitude por 68 x 49.

5° RODADA

A última rodada do Campeonato Carioca começou com um jogo disputado. Vasco e Grajaú se enfrentaram em um duelo decidido no detalhe. Por certo, no primeiro quarto, o Vasco conseguiu uma vantagem de 10 pontos, já no segundo e no terceiro, essa vantagem se manteve, mas sem se afastar muito. No último, Grajaú conseguiu alguns pontos a mais, porém não foram suficientes para chegar à pontuação do Vasco. Por fim, 52 x 50. O destaque ficou com o cruzmaltino Lucas Ferreira, que fez 21 pontos. Os dois próximos jogos foram, de certa forma, tranquilos. Flamengo conseguiu mais um placar centenário contra o Instituto Nautt’ilus42 x 107. Por outro lado, o Fluminense enfrentou o Municipal e garantiu uma vitória tranquila de 46 x 92. Flamengo e Fluminense terminaram a fase de grupos sem perder.

No dia 14 de novembro, ocorreram os últimos dois jogos da fase de grupo do Carioca. O Clube Desportivo Atitude enfrentou o Niterói com a esperança de conseguir a única vitória do time no Campeonato. Porém, não conseguiram bater o time de Thiago Bizani. O placar final foi de 35 x 63 para o Niterói. Assim como o Jacarepaguá, o Atitude não conseguiu nenhuma vitória na fase de grupos. Já a última partida foi entre Tijuca e Botafogo. O duelo foi bem disputado, e Botafogo teve dificuldades para segurar as chegadas de Matheus Jordan e companhia. Com isso, o clube tijucano garantiu a vitória por 71 x 55 e a vaga nas semifinais.

Foto destaque: Divulgação/Gabriela Calixto

Comments are closed.