Análise de Chave: retorno de Roger Federer, principais candidatos e jogos interessantes na 1ª rodada do ATP 250 de Doha 2021

Análise de Chave: retorno de Roger Federer, principais candidatos e jogos interessantes na 1ª rodada do ATP 250 de Doha 2021

1
332
0
sábado, 06 março 2021
Análise de Chave

Nesta segunda-feira (8) começa o ATP 250 de Doha, 10º da série de torneios da categoria em 2021. Nesse sentido, o torneio vai até o dia 14 de março e terá transmissão ao vivo da ESPN. Por fim, a competição contará especialmente com o retorno do suíço Roger Federer às quadras, que não acontece há 14 meses.

Por: Márcio Moreno, de São Paulo-SP.

Análise de chave ATP 250 de Doha – 1ª rodada

Dominic Thiem

Sem jogar desde o Australian Open, o cabeça de chave 1, #4 Dominic Thiem poderá ter duro adversário já de início. Ainda mais quando o possível confronto será o russo #44 Aslan Karatsev, que chegou às semifinais do Grand Slam australiano. Além disso, poderá ter pela frente nas quartas de final o espanhol #13 Roberto Bautista Agut, cabeça de chave 5 e campeão do torneio em 2019. Adversário esse no qual o austríaco tem retrospecto negativo, perdendo três jogos e vencendo apenas um, todos em quadra dura.

Por outro lado, Thiem pode enfrentar na semifinal o cabeça de chave 3 #8 Andrey Rublev, que vive excelente fase. Da mesma forma, o jogador tem retrospecto ruim contra o russo, já que em cinco jogos, venceu duas e perdeu três, todas de forma consecutiva. Por fim, em uma possível final, o adversário deverá ser o cabeça de chave 2 #5 Roger Federer. Nesse caso, Dominic Thiem tem mais vitórias sobre o suíço, sendo a mais emblemática na final do Masters 1000 de Indian Wells em 2019.

Roger Federer

Ausente do circuito desde janeiro de 2020, quando disputou o Australian Open, Roger Federer está de volta! Segundo cabeça de chave do torneio – no qual é tricampeão -, o suíço terá em sua primeira partida o vencedor de #64 Jeremy Chardy x #28 Daniel Evans. Este último curiosamente enfrentou Federer no retorno de sua lesão no joelho em 2017. Em possível quartas de final, o adversário poderá ser #26 Borna Coric, cabeça de chave oito da competição e que já bateu o suíço em final de torneio.

Posteriormente, Federer pode defrontar em caso de semifinal o cabeça de chave quatro #11 Denis Shapovalov ou o cabeça de chave seis #14 David Goffin. Contra os dois, o jogador tem retrospecto positivo, muito mais sobre o belga, no qual em 11 jogos, venceu 10 e perdeu apenas um. Por último, a possibilidade de final para Roger Federer será Dominic Thiem ou Andrey Rublev, tendo perdido para o russo na única partida em que fizeram, no Masters 1000 de Cincinnati, em 2019.

Andrey Rublev

Campeão em 2020, Andrey Rublev é um dos grandes favoritos a vencer o torneio. Ainda mais ao ter chegado à final do ATP 500 de Roterdã neste sábado (6). Assim, o russo enfrenta em sua primeira partida ou #49 Richard Gasquet, ou o jogador vindo do qualificatório, que enfrentará o francês. Em seguida, o grande páreo será o sempre perigoso #20 Stan Wawrinka, tricampeão de Grand Slams, e que venceu o último jogo entre eles.

Já em caso de semifinal, Rublev poderá ter pela frente Dominic Thiem ou Roberto Batista Agut, nesse que seria o duelo dos últimos campeões. Além disso, em quatro jogos entre o russo e o espanhol, ambos venceram duas, sendo a última no ATP 500 de Hamburgo, com vitória de Andrey Rublev, que foi campeão do torneio.

Na final, a promessa é de confronto contra a lenda Roger Federer ou Denis Shapovalov, esse último que também tem retrospecto de empate, e tendo vencido o último encontro no ATP 250 de São Petersburgo, em que sagrou-se campeão novamente na temporada que foi sua melhor na carreira ao conquistar cinco títulos.

Denis Shapovalov

Da mesma forma que Thiem, Denis Shapovalov não joga desde o Australian Open. Assim, a primeira partida do tenista deverá ser contra o compatriota #67 Vasek Pospisil, no qual formou duplas para disputar o Grand Slam austaliano. Em quartas de final, a promessa é de confronto contra David Goffin, recém-campeão do ATP 250 de Montpellier e no qual enfrentou apenas duas vezes, com uma vitória para cada.

Assim como, a grande pedreira para o canadense deve ser na semifinal, que poderá jogar contra Roger Federer. No retrospecto entre eles, apenas uma partida, e com vitória da lenda suíça. Por fim, em possível final, Shapovalov terá pela enfrente Dominic Thiem ou Andrey Rublev. Contra o austríaco, são três jogos e três derrotas, todas elas em quadra rápida, sendo a última na Laver Cup, em 2019.

JOGOS INTERESSANTES DA PRIMEIRA RODADA

Reilly Opelka x Roberto Bautista Agut

Dusan Lajovic x Marton Fucsovics

David Goffin x Filip Krajinovic

Lorenzo Sonego x Taylor Fritz

Borna Coric x Malek Jaziri

Nikoloz Basilashvili x John Millman

Foto Destaque: Divulgação/Qatar Tennis Federation

Márcio Moreno

Escolhi o jornalismo pela paixão pelo esporte, tanto para escrever quanto para falar e debater. Já produzi reportagem para TV sobre rotatividade de técnicos no futebol brasileiro, além de escrever[...]

22 posts | 0 comments

Comments are closed.