Tchau! Hamilton vence GP de Abu Dhabi na despedida da F1 em 2019

Tchau! Hamilton vence GP de Abu Dhabi na despedida da F1 em 2019

Like
120
0
domingo, 01 dezembro 2019
Automobilismo

O GP de Abu Dhabi nos Emirados Árabes costuma ser uma corrida de transição pois é o último antes das férias da Fórmula 1. Porém, salvo algumas exceções, foi um show de falta de competitividade, e um antítese do GP do Brasil.

Por: Luis Henrique Ramalho, de Guarulhos, SP.

Largada do GP de Abu Dhabi

Ao início, após um “calor” inicial de Max Verstappen, Lewis Hamilton disparou. Porém, Max perdeu a posição para o rival Charles Leclerc. Leclerc de uma Ferrari passiva, cheia de erros, quem em nada lembra a equipe que dominou parte do campeonato. Aliás, a Ferrari parece certos grandes de futebol como Milan e São Paulo, que outrora vencedores, ainda agem como tal, mesmo sem levantar um caneco a tempos. Porém, fazem sempre planejamentos fracos, contratam uma ou duas peças e acham que basta. Em suma, a temporada da Ferrari não foi ruim, mas para quem enfileirava títulos, estar 12 anos sem ganhar, é um absurdo, que tal deixar a prepotência de lado?

Paradas

Antecipadamente, Pierre Gasly foi o primeiro, parou na primeira volta, após ser tocado por Lance Stroll e quebrar o bico batendo em Sérgio Perez. Isso que é dobradinha, não? Por outro lado, Sebastian Vettel (sim, ele correu hoje!), parou na volta 13. Porém, Leclerc havia parado uma volta antes. Alexander Albon fez o pit-stop na volta 14. Falando em Albon, tem curiosidade sobre ele no fim desta matéria!

Da mesma forma, Max parou na 26, Lewis na 27, Valtteri Bottas (que largou em 20º), parou na 30. Entretanto, em meados da volta 32, Verstappen foi pra cima de Leclerc, passou, o monegasco tentou o troco, porém o holandês levou a melhor!

Etapa final

Como supracitado, a corrida não teve grandes alterações nas primeiras posições, mas vale destacar o Bottas. O finlandês largou em último e até a última volta, lutou pelo pódio contra Leclerc. “Corridaça”!

Em suma, Lewis venceu sua 84ª corrida e está cada vez mais perto de passar Michael Schumacher, Max Verstappen e Charles Leclerc completaram o pódio. Sebastian Vettel terminou em 5º e Alexander Albon em 6º.

Curiosidade do dia

Como antecipadamente mencionei acima, vamos a curiosidade envolvendo Alex Albon! Ele não foi o primeiro tailandês da F1, e sim Birabongse Bhanutej Bhanubandh, o príncipe “Bira”, que era Neto do Rei Mongkut. Bira correu de 1950 a 1955, e teve como melhor resultado dois quartos lugares, no GP da Suíça em 1950 e no GP da França em 1954. Entretanto, curiosamente Albon até a presente data, jamais foi além do 4ª lugar.

Foto em destaque: F1 / Twitter

Luis Henrique Ramalho

Luis Henrique Ramalho

23 posts | 0 comments

Comments are closed.