José Neto é eleito o maior técnico da história do NBB

José Neto é eleito o maior técnico da história do NBB

Like
188
0
sexta-feira, 22 maio 2020
Basquete

A Liga Nacional de Basquete (LNB), entidade responsável pela realização do Novo Basquete Brasil (NBB), realizou uma votação para definir os melhores técnicos da história da competição. O grande vencedor foi José Neto. Todavia, o atual comandante da Seleção Brasileira Feminina de basquete, e ex-treinador do Flamengo, venceu com cerca de 53% dos votos computados. À frente de nomes como  Guerrinha, Paulo Chupeta, José Vidal, Demétrius Ferracciú, Gustavo de Conti e Lula Ferreira.

Por Luiz Felipe, Maceió, AL

View this post on Instagram

GRATIDÃO!!!! É um dos sentimentos que mais VALORIZO e que quero manifestar agora! Sou muito grato a todos que deram seu voto para que eu pudesse receber essa homenagem. Sou grato a minha família que sempre apoiou em todas as minhas decisões e me dá forças nos momentos mais difíceis e me da motivos pra ser feliz! Sou grato a todos das comissões técnicas que trabalharam comigo nas CTs dessas temporadas que estive no NBB. Ao @timeflamengo e ao @basquetejoinville por confiarem em meu trabalho. Todos os jogadores destas equipes que executaram com dedicação as propostas apresentadas. Aos torcedores que nos empurravam sem cessar em direção aos nossos objetivos. Grato ao @nbb por realizar estas competições! Quero homenagear duas pessoas em especial: Meu Tio Zeca que era um dos meus maiores fãs e que antes de nos deixar, deixou registrado seus votos aqui assim como se orgulhava de toda essa minha trajetória. Também homenagear meu primeiro técnico de basquete, Prof. Coca. com quem aprendi muito através do seu caráter e amor ao basquete! Enfim, sou grato sobretudo a Deus, que com sua bondade permite me dar esse motivo de felicidade! #gratidão

A post shared by José Neto (@netobasket) on

A HISTÓRIA DE JOSÉ NETO

José Alves dos Santos Neto, ou simplesmente José Neto, nasceu na cidade de Itapetininga em 16 de março de 1971. Os primeiros passos na carreira de treinador se deram em 2002, pelo Paulistano. Foi lá que começou a ficar conhecido no meio do basquete brasileiro. O comandante ficou de 2002 à 2007 no clube onde conseguiu, em 2003 ,o título da Copa Brasil Sul e um surpreendente vice-campeonato Paulista, em 2005.

Após sua passagem no Paulistano, o técnico rodou por alguns clubes brasileiros como o São Bernardo e o Palmeiras onde teve pouco destaque. Assim como, as suas passagens pela seleção brasileira de basquete, sendo 9º lugar com a Sub-19 no Mundial da Letônia em 2011. Contudo, o Neto chegou ao Joinville onde fez ótimo trabalho na temporada 2011-2012 da NBB. Concluindo com uma campanha regular composto de um elenco abaixo dos grandes times da competição. Com a atuação em quadra, conseguiu também uma indicação ao melhor técnico da temporada. Além disso, conquistou a Copa Sul-Brasileira, o Campeonato Catarinense e os Jogos Abertos de Santa Catarina.

E então, o técnico chegou ao Flamengo no ano de 2012, logo em sua primeira temporada no Mengão conseguiu levar o time ao título Brasileiro após uma temporada digna de perfeição com 30 vitórias e apenas quatro derrotas. E foi assim que se sucedeu a trajetória de José Neto no time carioca, conquistando, nos anos seguintes, um tetra campeonato do NBB. Contudo, além das conquistas nacionais, o treinador venceu também a Copa Intercontinental FIBA, em 2014.

SELEÇÃO BRASILEIRA

Por causa de seu trabalho de excelência no Flamengo, durante 7 anos (2012-2018), José Neto chamou atenção da Seleção brasileira. No entanto, ainda em 2018 o técnico partiu para um trabalho no Japão, com o Levanga Hokkaido. Contudo, o trabalho não durou muito, o treinador voltou ao Brasil, desta vez para assumir o comando técnico da seleção principal feminina de basquete.

E foi onde, após 28 anos o Brasil bateu o EUA e conquistou o Ouro no Pan-Americano de 2019. Em Lima, no Peru, a seleção brasileira venceu o time estadunidense com autoridade e perseverança, fechando em um placar de 79 x 73.  A conquista invicta da competição coorou o começo de trabalho de José Alves nos torneios internacionais. Além de quebrar o tabu de décadas sem títulos.

View this post on Instagram

Hoje não é dia de #tbt mas é dia de valorizar ainda mais o feito da medalha de ouro do Brasil nos Jogos Pan-Americanos de Lima, essas jogadoras incríveis e o basquete feminino brasileiro! Por quê?? Porque ontem foi o Draft da WNBA. Sete (7) das doze (12) jogadoras dos EUA que jogaram a final contra o Brasil, foram draftadas (escolhidas) e jogarão a próxima temporada de uma das mais (senão a mais) fortes competições do basquete feminino mundial. Quantas dessas nossas jogadoras veremos na próxima temporada da WNBA? Ahhh, lembrando… nossa Damiris Dantas, que joga no Minnesota Lynx, brilhantemente, não jogou o Pan justamente porque estava na temporada da WNBA. Parabéns BRASIL!!! Obrigado COB, CBB e LBF pelo apoio e confiança ao nosso trabalho. Medalha de ouro histórica, depois de 28 anos da conquista do ouro em Havana (Cuba) com uma super geração que se iniciava, com Paula, Hortencia e cia., e que se tornaria a melhor do mundo, com muito mérito. Vamos em frente! 🏀🇧🇷💪🏽 @basquetecbb @timebrasil @lbf.oficial @deboracosta18 @lalinha_07 @paixaotai @isaramona @pattyteixeira7 @izasangalli @erikasouza14 @cladossantos11 @stephaniesoares_ @tatipacheco10 @raphabasket @alineccmoura @adriana.santos009 @diegomfalcao @virgillopinho @camargoblu @belcristinacastro @jordana.reiss @drpauloszeles @hardtfelipe19 @sannarp @jjuboivie

A post shared by José Neto (@netobasket) on

Foto destaque: Alexandre Loureiro/ COB

Luiz Felipe Pimentel

Luiz Felipe Pimentel

Olá, meu nome é Luiz Felipe, tenho 19 anos de idade, que foram de total amor a tudo que era relacionado a esportes, principalmente o futebol. Atualmente sou estudante de jornalismo pela UFAL. Como todo (ou quase todo) brasileiro, sonhava em ser jogador de futebol, ao ver que isso não seria mais possível, escolhi algo que me colocasse o mais perto possível desse esporte. Hoje meu dever é tratar com ética e responsabilidade as informações que permeiam o mundo dos esportes.

6 posts | 0 comments

Comments are closed.