Glorioso bate Carcará e ultrapassa rival no NBB 12

Glorioso bate Carcará e ultrapassa rival no NBB 12

Like
150
0
quinta-feira, 07 novembro 2019
Basquete

Na noite da última quarta-feira (6) o Basquete Cearense recebeu o Botafogo no Centro de Formação Olímpica e o Glorioso foi quem saiu vencedor pelo placar de 72 x 76. A partida do NBB 12 foi decidida no último minuto e teve como destaque o armador Coelho, da equipe carioca, com 22 pontos e sendo o cestinha do jogo. Em contrapartida, Felipe foi o destaque local com um duplo-duplo, sendo 19 pontos e 11 rebotes.

1º quarto

Botafogo foi a quadra com um ímpeto fervoroso. De cara já mandou uma bola de três com Lucas. Por outro lado, os visitantes marcaram com Felipe, mas Cauê e Coelho ampliaram pelo GloriosoRashaun anotou três e Felipe outro dois, mantendo o equilíbrio no jogo. Com um duelo muito parelho até o fim do quarto, o Basquete Cearense saiu vencedor do por 20 x 19.

2º quarto

Mas o quarto dois dos cearenses foi um para se esquecer. Talvez o pior quarto de uma equipe na história. Foram apenas cinco pontos feitos e 20 sofridos num verdadeiro passeio botafoguense. Dessa forma, Coelho começou marcando pelas visitas, mas o americano Brandon chutou de três e marcou os primeiros tentos cearenses no quarto. Diego marcou dois para o Bota e empatou tudo. Então começou o passeio carioca. Lucas de dois, Coelho de três, mais uma do perímetro de Lucas, além de mais dois de dentro do garrafão e três lances livres. Arthur também marcou. Cauê descontou pelo Carcará em dois lances livres, mas o voo já parecia tombado.

3º quarto

Mas o quarto pós-intervalo teve reação. Porém, antes disso, mais três na conta de Coelho. Marcão respondeu de dois para o Cearense, assim como o americano Brite. O experiente Felipe chutou de três, Du Sommer descontou e Felipe acertou outro ponto de lance livre. Marcão cravou e levantou a torcida local. Aos poucos os mandantes foram encostando e Armani mandou de três para diminuir para seis tentos a desvantagem. Felipe marcou seis tentos seguidos e colocou gasolina no jogo. Jamaal e Coelho marcaram e abriram frente pelo Glorioso: 48 x 55.

4º quarto

O último quarto guardaria fortes emoções. Quatro pontos de Arthur para o Fogão. Rashaun diminuiu, mas Jamaal acertou outros dois para as visitas. Rashaun ia minando a defesa adversária, sofrendo faltas e convertendo suas bonificações. Sua insistência baixou a diferença para dois pontos. Brite igualou tudo e os dois minutos finais aguardavam emoções. Du Sommer, Coelho e Diego pelo Botafogo, Brite, Rashaun (de três) marcaram. Mas a diferença ainda era de dois tentos pró-visita, quando Coelho fechou o caixão em dois lances livres pró-Fogão.

E agora?

Com a vitória o Botafogo ultrapassa o Basquete Cearense e assume a 11ª colocação, empurrando o rival para a 13ª. Assim, o Glorioso está com duas vitórias e quatro derrotas, contra uma triunfo e e quatro reveses dos nordestinos. O Carcará jpa volta a quadra nesta sexta-feira (8) frente ao Flamengo, em casa, às 21h10 (horário de Brasília). Por outro lado, o Fogão recebe o São Paulo na próxima terça-feira (12), às 20h (horário de Brasília).

Melhores momentos

Foto destaque: Divulgação/Stephan Eilert/Basquete Cearense

Eric Filardi

Eric Filardi

Quando pequeno quis ser jogador. O sonho de criança passou. Uma vida nova se anseia. Bem-vindo a rádio de todos os esportes. Bem-vindo a Rádio Poliesportiva. Sou Eric Filardi, paulistano de 27 anos, jornalista pós-graduado em Jornalismo Esportivo e apaixonado por futebol, mas amante de MMA e basquete. Como todo jornalista amo escrever. Como todo brasileiro amo futebol. Tenho meu clube e minhas preferências, mas viso o profissionalismo e a imparcialidade, sem deixar de lado a criatividade. Sou Tricolor, Peixe, Palestra e Timão. Sou da Colina, Glorioso, Flu e Mengão. Sou brasileiro, hermano, francês e italiano. Sou Ghiggia, Paolo Rossi, Caniggia e Zidane. Sou Alemanha dos 7 x 1, mas que o povo não se engane. Também sou Ronaldo, Romário, Zico, Garrincha e Pelé. Sou Bundesliga, MLS, Eredivisie e Premier. Sou das várzeas e dos terrões. Sou Clássico das Multidões. Sou Sul, Nordeste, Amazônia e Pantanal. Sou Galo, Raposa, Bavi e Grenal. Sou Ásia e África. Sou Barça e Real. Sou as Américas, a Europa, sou o mundo em geral. Sou a festa nas arquibancadas, que o estádio cativa: sou Rádio Poliesportiva.

135 posts | 0 comments

Comments are closed.