Clássicos da Fórmula 1: Primeiro título mundial de Ayrton Senna completa 30 anos

Clássicos da Fórmula 1: Primeiro título mundial de Ayrton Senna completa 30 anos

Like
223
0
terça-feira, 30 outubro 2018
Automobilismo

 

Por: Rodrigo Nascimento, de São Caetano do Sul, SP

 

Há exatamente 30 anos atrás, o Brasil ganhava mais um represente no hall dos grandes campeões mundiais de F1: Ayrton Senna da Silva. Em seu primeiro ano na McLaren, o piloto brasileiro chegava ao Japão com a chance de garantir o título, e em uma corrida de superação, deixou claro o seu talento.

 

O GP do Japão de 1988 era a penúltima etapa daquela temporada que foi dominada pela McLaren. Das 16 provas daquele ano, a equipe britânica venceu nada menos do que 15. De fato, o time de Woking fez por merecer o apelido de Dream Team da F1, com o então bicampeão Alain Prost e o promissor Ayrton Senna, chefiados por Ron Dennis e com toda a tecnologia dos japoneses da Honda a disposição.

Naquele dia 30 de outubro, Senna tinha a sua primeira oportunidade de confirmar o primeiro título mundial da carreira. Tudo que precisava era vencer a corrida, o que não parecia muito difícil por conta do domínio da McLaren e pelo fato do brasileiro ter confirmado a pole position no dia anterior.

Mas todo este cenário favorável ruiu na largada: a McLaren de Senna ficou parada no grid, e enquanto Prost assumia a liderança, quase todo o pelotão deixava o brasileiro para trás. Por sorte, o carro voltou a funcionar, mas o estrago estava feito: 16ª posição para o futuro campeão.

Enquanto Prost, seguido por Berger (Ferrari) e Capelli (March) se distanciavam dos demais, Senna deu inicio a sua fantástica recuperação. Na terceira volta, o brasileiro já ocupava a sexta colocação.

Ayrton Senna foi avançando, e não demorou para que alcançasse Berger, que com problemas na sua Ferrari, foi presa fácil. Logo, Senna já estava em terceiro, e passou a ir em busca de Prost e Capelli.

Por falar no italiano da March, Capelli resolveu aprontar: enquanto Prost sofria para dar uma volta em cima de Aguri Suzuki, Capelli aproveitou e ultrapassou o francês da McLaren e assumiu a liderança.

Mas durou pouco a “traquinagem” de Ivan Capelli: Prost se recuperou e voltou a assumir a ponta, e pouco tempo depois, a March do piloto italiano quebrou por conta de uma pane elétrica. Senna assumia a segunda colocação.

A partir daí, o embate passou a ser entre os dois pilotos da McLaren. Senna foi se aproximando, mas não o suficiente para ultrapassar o rival. Até que na volta 27, Prost precisou ultrapassar dois retardatários, e foi justamente neste momento que o brasileiro aproveitou e tomou a liderança da prova.

A partir daí, Senna foi se distanciando do francês, que nada pôde fazer para evitar o titulo de Ayrton Senna. O primeiro do tricampeão.

Mas, mal sabia os fãs que aquele era apenas o primeiro de mais dois inesquecíveis embates entre Senna e Prost por um título mundial da F1…

Confira abaixo, o GP do Japão de 1988, dividido em duas partes:

Parte 01:

Parte 02:

 

Foto em destaque: Divulgação/McLaren

 

Rodrigo Nascimento

Rodrigo Nascimento

143 posts | 0 comments

Comments are closed.