Após vitória, Rafael dos Anjos pede presente para Dana White

Após vitória, Rafael dos Anjos pede presente para Dana White

Like
430
0
quarta-feira, 20 dezembro 2017
MMA/UFC

Na madrugada deste último domingo aconteceu a edição do UFC Winnipeg, realizado no Canadá.

O brasileiro ex-campeão dos pesos-leves, Rafael dos Anjos subiu ao octógono contra o americano Robbie Lawler e teve uma grande atuação, conquistando a vitória por decisão unânime, sem perder nenhum round.

Rafael credita muito da sua fase aos treinamentos que estão dando muito suporte para o lutador no momento do combate.

– Eu estava esperando que ele começasse a luta muito mais forte, mas ele começou segurando, porque sabia que teria cinco rounds pela frente. Eu tenho treinado muito o clinche com as joelhadas na barriga, e isso vem surtindo muito efeito. Cada joelhada que eu dava ele fazia o som de que estava doendo mesmo. Eu fui firme no corpo e isso deu uma comprometida no gás dele. Quando eu vi que tinha ganho os três primeiros rounds, decidi que era pra manter o ritmo e vencer a luta. Eu juntei uma galera de treinadores e amigos muito boa. Tem o Jason Parillo no boxe, o Pamplona que é meu irmão e vem me treinando não só no muay thai, mas é técnico de tudo, o Furão no jiu-jítsu, que é meu amigo desde moleque, tem o Bubba que é um excelente wrestler. Essa galera está me tornando um melhor lutador e um melhor ser humano a cada dia que passa, disse Rafael.

Agora o brasileiro cobra de Dana White uma luta diante do campeão Tyron Woodley e acredita merecer esse presente, já que conquistou a sua terceira vitória consecutiva diante de adversários bem ranqueados.

– Estou muito feliz. Estou neste jogo há tanto tempo, e para mim hoje à noite foi um prazer enfrentar este guerreiro. Minhas mãos estão doendo porque a cabeça dele é muito dura. Eu senti que ele estava aguentando meus golpes, mas sou abençoado por ter caras como meus treinadores na minha equipe. Eu acabei de ganhar do cara mais duro da divisão. Acho que pela minha história na organização e pelo que fiz hoje, mereço a chance pelo cinturão, disse Rafael dos Anjos.

Veja todas as lutas do UFC Winnipeg

CARD PRINCIPAL
Rafael dos Anjos venceu Robbie Lawler por decisão unânime (triplo 50-45)
Josh Emmett venceu Ricardo Lamas por nocaute aos 4m33s do R1
Santiago Ponzinibbio venceu Mike Perry por decisão unânime (triplo 29-28)
Glover Teixeira venceu Misha Cirkunov por nocaute técnico aos 2m45s do R1

CARD PRELIMINAR
Jan Blachowicz venceu Jared Cannonier por decisão unânime (triplo 29-28)
Julian Marquez venceu Darren Stewart por finalização aos 2m42s do R2
Chad Laprise venceu Galore Bofando por nocaute técnico aos 4m10s do R1
Nordine Taleb venceu Danny Roberts por nocaute aos 59s do R1
John Makdessi venceu Abel Trujillo por decisão unânime (triplo 30-27)
Alessio Di Chirico venceu Oluwale Bamgbose por nocaute aos 2m14s do R2
Jordan Mein venceu Erick Silva por decisão unânime (30-26, 30-27, 30-27)

 

Foto em destaque: Divulgação UFC / Lance

 

Redator: Eduardo Verdasca, de São Paulo.

Eduardo Verdasca Antunes

Eduardo Verdasca Antunes

36 posts | 0 comments

Comments are closed.